Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

BOVA11 ou PIBB11 ? Qual dos dois é melhor para se investir ?

Um amigo, pensando em investir diretamente em ETFs, para com isso facilitar sua vida na hora de diversificar a formação de sua carteira de ações, me perguntou se valeria mais a pena investir em BOVA11 ou no PIBB11. Falei que os dois era “diferentes”, mas parecidos … Pois o BOVA11 é um ETF que se baseia no Ibovespa, enquanto o PIBB11 se baseia no IBrX-50

Seriam dois ETFs diferentes, que se baseiam em índices de ações diferentes (veja aqui a composição do Ibovespa e a do IBrX-50), mas que vêm apresentando resultados bem parecidos nos últimos tempos. Em 2017 o BOVA11 se valoriza 23,45% enquanto o PIBB1, 23,86%.

Pouca diferença, pesando um pouco a favor para o PIBB11.

Ao falar isso, ele argumentou que não era especificamente sobre esse ponto que a sua pergunta se referia. Ele gostaria de saber qual dos dois eu investiria por conta da taxa de administração do fundo. Sim, se você não sabia, num ETF existe a cobrança de uma taxa de administração igual à que é cobrada pelos fundos de investimento dos bancos. A principal diferença é que um ETF pode ser comprado e vendido diretamente na Bolsa, enquanto o fundo do banco, só através do próprio Banco. Além disso, um ETF pode ser usado em estratégias mais “complexas” e que podem te proporcionar um rendimento extra (alguém falou em Double PUT Double CALL ?), enquanto o fundo do banco não …

Além disso, a taxa de administração em si, cobrada pelos bancos é bem superior à de um ETF.

Então, voltando ao meu amigo, ele reforçou sua pergunta, agora focando na taxa de administração: “Vale mais a pena eu investir no PIBB11 que me cobra só 0,059% a.a. ou no BOVA11 que me cobra 0,54% a.a. ?“. É … a taxa de administração do BOVA11 é 9x superior ao do PIBB11 !!

E isso é algo que acaba assustando/chamando a atenção. Não é mesmo ?

Pô … um custo 9x superior. É claro que o mais barato vai ser o mais indicado. Concorda ? Não existe a menor sombra de dúvida sobre isso !!

Será ?

Vamos olhar com um pouco mais de cuidado …

Se estivéssemos comparando dois fundos de investimentos, de bancos, onde um me cobrasse uma taxa de administração de 0,059% ao ano, enquanto o outro me cobrasse 0,54%. Onde o primeiro me exigisse um aporte mínimo de R$127,82 e o outro R$71,90 (valores próximos e relativamente baixos). Que estivessem apresentando um retorno semelhante nos últimos tempos. Que tivessem como “alvos” coisas parecidas, etc etc etc … É claro a preferência seria pelo fundo que me cobrasse a menor taxa. Concorda ?

Afinal de contas eu colocaria o meu dinheiro no fundo daquele banco, ele renderia durante um determinado período, e depois de algum tempo eu simplesmente solicitaria o resgate e pronto !

E é justamente aqui que entra um ponto MUITO importante e que deve ser priorizado nesta situação:

A liquidez do ativo !

Diferentemente do fundo do banco, onde eu invisto e resgato quando bem entender, e o meu dinheiro entrará/sairá  do investimento naquela hora, um ETF está sujeito às condições de mercado !! Se for um ativo com baixa liquidez … dê adeus aos seus planos, pois a coisa pode não sair exatamente da forma que você esperava.

De nada adianta dizer que os dois apresentam retorno semelhante, que o BOVA11 cobra uma taxa 9x maior que a do PIBB11, se a liquidez dos dois for algo muito diferente. Spoiler: e é BEM diferente.

Está sentado ? Pergunto isso pois a diferença é brutal. Enquanto o PIBB11 vem tendo uma movimentação (diária) média de R$10 milhões nos últimos dias, o BOVA11 vem movimentando, diariamente, perto de R$175 milhões …

É … Gigante, não é mesmo ? 😯

E sim, isso se traduz em liquidez … É muito mais fácil entrar/sair de um investimento em BOVA11 do que um no PIBB11.

Do que adianta pagar menos de taxa, se você corre o risco de ter problemas para entrar ou sair do investimento na hora que precisar ?

Ok … Com R$10 milhões por dia é bem provável que tenha a liquidez para que você faça a sua operação. Mas e o preço disso ? Como a liquidez é menor, as ofertas de compra e de venda acabam estando mais distantes do “preço certo”, o spread entre estas ofertas é maior e se você está com pressa pode acabar pagando por isso.

Você provavelmente já tenha visto isso em alguma oportunidade. O último negócio ocorreu nos R$71,90, mas a melhor oferta de compra está nos R$71,40, enquanto a melhor oferta de venda está nos R$72,40 … Você corre atrás, ou coloca a ordem no mercado pelo preço do último negócio ? Ficará lá esperando que alguém esteja disposto a “casar” sua oferta ?

Só nisso, de precisar ir atrás das ofertas que estão disponíveis, você já acabou gastando mais dinheiro do que gastaria com a diferença existente na taxa de administração.

Conclusão:

Num ETF, ao contrário do que vemos em um fundo de banco, a taxa de administração não é o principal ponto a ser levado em consideração na hora de tomarmos a nossa decisão. A liquidez tem GRANDE importância e precisa ser seriamente considerada.

O que eu faria ? Daria preferência pelo BOVA11 e sua liquidez. 😉

Aproveitando … Caso você não tenha conseguido entender algo do que foi dito neste post, convido-o a conhecer o “Minha primeira vez na Bolsa“, um curso criado por mim, e que tem como objetivo permitir que toda e qualquer pessoa inicie um investimento em Bolsa partindo do absoluto zero. Será um prazer te ajudar em sua jornada. 😀