Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Muito além do merchan !

muito-alem-do-merchan-girado-pq

Uma coisa todos concordam: as mudanças que temos visto acontecer nos meios de comunicação, de uma forma geral, nos últimos tempos são impressionantes. Velocidade, diversidade, qualidade, disponibilidade. Todos tem plena capacidade para se tornar um comunicador nos dias de hoje. Você escolhe a mídia: escrita (blog), falada (podcast) ou em vídeo (youtube). Você cria e um enorme exército de espectadores consome.

Nunca antes na história deste país da humanidade tivemos acesso a tanta informação de maneira tão fácil e prática. Para você ter uma ideia, a cada minuto, 300 horas de conteúdo em vídeo é enviado para o youtube. 😯

É de impressionar, ou não ? 🙂

Para as gerações mais antigas, a mudança ainda não é tão forte. Seus pais ainda não consomem as informações destas novas mídias da mesma forma que você ou seus filhos. Eles ainda dão preferência pelo “bom e velho jornal/revista de papel”, dão boa noite pro Bonner e costumam ir ao cinema ver um ou outro lançamento.

Você (e seus filhos em especial) provavelmente até façam isso também, mas sempre integrando estas mídias com as novas. Tudo ao mesmo tempo, prestando atenção a tudo e a todos. Vê o jornal na TV com um olho na tela do celular enquanto acompanha o twitter e as notícias pulando em tempo real, e o outro vendo as notícias que viu pela manhã passando na televisão … É quase que uma batalha injusta. #SQN

O vencedor é você que tem amplo acesso a tudo isso e cada vez quer mais e mais.

Muitos até chamam a atenção para este fenômeno, onde sofremos uma inundação de informação. É tanta coisa que acabamos nos sentindo exauridos pelo volume, pela enxurrada de dados a que somos expostos diariamente. Saber filtrar é importante e sadio. Mas difícil …

É fantástico !

Não há como negar que isso é fenomenal ! O poder que isso tem, e as consequências disso para o futuro são um mistério. Acredito que um mistério bom, pois abre espaço para coisas que nunca pudemos imaginar. 😀

Mas … tudo isso tem um custo.

Até então, como eram financiados os produtores de conteúdo ? Afinal de contas muito conteúdo de qualidade é produzido de forma gratuita … Mas depois de um ponto a coisa se torna tão grande que passa a ser impossível não profissionalizar o negócio. Falo isso tanto para as mídias “antigas” quanto para as atuais. Com a experiência de um produtor de conteúdo que está nesse meio há quase 20 anos. 😉

Continue lendo …

Assumindo o controle do seu tempo

Tempo … Essa commoditie tão escassa e de difícil reposição. Quem entre nós está plenamente satisfeito com as suas 24h diárias ? Quem de nós não gostaria de ter algumas horas extras por semana, ou até mesmo por mês … ? O destino delas ? Diversão, estudo, trabalho, família … Não importa, poucas horas a mais nos fazem falta e, infelizmente, não temos como recuperar o tempo perdido.

Já que não é possível recuperar, que tal fazer com o que “pouco” tempo que temos nos seja suficiente para fazer o que é preciso ? Que tal otimizarmos o nosso tempo, aproveitando-o da melhor forma possível ?

Sim, hoje falarei (de novo) sobre mais um livro que tem como proposta nos ajudar nesta tão importante tarefa. 🙂

Mais do mesmo ?

É … De algumas dicas básicas não temos como fugir: seja organizado, saiba delegar, mantenha o foco nas atividades mais importantes, tente não ser interrompido enquanto executa suas tarefas, especialmente as que requiram mais atenção.

Não temos como fugir destes conselhos, afinal são os mais práticos e na maioria das vezes os de mais fácil implementação em nossa rotina diária. Existem outros que são considerados como tal, mas que na prática são impossíveis de serem adotados.

Quer um exemplo ? “Reduza o tempo gasto em reuniões” ou “reduza o número de reuniões que você participa”. Na teoria é muito bonito falar esse tipo de coisa, mas como você chegará para um cliente ou para o seu chefe e dizer que não participará daquela reunião, pois não considera o tema central dela adequado às suas necessidades ? Ou então até ir na reunião, mas já chegar avisando que é para tratar do assunto de interesse dela já no começo, da forma mais rápida possível para que ela não perca tempo com aquilo …

Quem … Quem teria coragem de agir de tal maneira ? Claro … Reuniões “normais” entre iguais, serem otimizadas, é primordial. Mas estender isso a todas as reuniões possíveis e imagináveis ? Meio complicado e praticamente surreal. Concorda ?

Mas nem tudo está perdido !

No meio das tradicionais dicas, vi algumas bem interessantes:

Tomar decisões rápidas

Na hora de tomar decisões, sobre quais projetos tocar, quais direções seguir, decida rapidamente entre as opções disponíveis. Provavelmente algumas decisões serão erradas, mas o tempo poupado com a etapa de pensamento e reflexão para a tomada de decisão compensará estes erros.

Continue lendo …

Negócios online: que tal uma loja virtual ?

Não é segredo para ninguém que a rede mundial de computadores criou inúmeras oportunidades de negócios mundo a fora. Umas mais claras, outras nem tanto. Oportunidades para todos os gostos, desde as puramente virtuais até as que misturam o “mundo real” e o virtual. Acredito que as lojas virtuais sejam um dos melhores exemplos disso. 🙂

Febre na época da bolha das .com, as lojas virtuais vieram com a promessa de facilitar a vida de quem desejava criar um negócio próprio. Naquela ocasião surgiram lojas que vendiam todo tipo de produtos. Sim, deve ter existido uma loja para vender qualquer produto que você conseguir pensar. Algumas prosperaram, outras quebraram, veio o estouro da bolha e … você já deve conhecer o resto da história.

Mas uma série de negócios conseguiu aproveitar os benefícios criados no mundo online. Tiraram proveito dos mercados de nicho, ou levaram para o mundo virtual o que já existia no tijolo.

Mas isso me leva a te perguntar: você sabe o que é uma loja virtual ?

Uma loja virtual nada mais é do que um site criado com a finalidade de vender um produto ou serviço através da internet. Imagine quão maravilhoso é poder oferecer seu produto para qualquer pessoa deste planeta. Não importa onde você more, qual o tamanho da sua cidade, muito menos o tamanho do seu negócio: todos os 7 bilhões de habitantes deste planetinha azul estão disponíveis para realizar uma compra em sua loja.

É ou não é o paraíso para quem tem uma lujinha ? 😉

Claro que isso acaba sendo um pouco mais fantasioso do que a realidade enfrentada por quem tem um negócio deste tipo. Você tem sim a possibilidade de vender para qualquer pessoa do mundo inteiro, mas quão provável é que você consiga fazer com que todas elas conheçam a sua loja ? Ou ainda melhor e mais importante: como fazer com que alguém conheça a sua loja ?

Num negócio “de carne e osso” (não seria melhor falar de tijolo e cimento ?) as pessoas que passam pela rua, onde o seu estabelecimento está, podem ver a fachada da sua loja, um display, um letreiro, algo do tipo, se interessar e entrar. Mas e no mundo virtual ? Na web não existe nada disso … Ou você se faz conhecido, ou ninguém lhe conhece.

Sim, você precisará gastar dinheiro com a divulgação do seu negócio. Seja através de anúncios, da criação de conteúdo (que atrairá interessados e com isso poderão conhecer o seu negócio), ou de exposição através das redes sociais. As possibilidades são muitas, mas a necessidade de investimento nesta área é real. Ou você se faz ser notado, ou terá uma loja entregue às moscas …

Continue lendo …

Networking: desenvolva sua carreira criando bons relacionamentos

Networking desenvolva sua carreira criando bons relacionamentos girado pq

Você já se perguntou como fazem determinadas pessoas, que parecem ter sucesso em tudo o que fazem ? Parecem o Rei Midas, aquele que transformava em ouro tudo o que tocava. Serão elas pessoas extremamente inteligentes ? Dedicadas ? Conhecem algum segredo restrito a poucas pessoas ?

Olha … provavelmente seja algo mais simples do que você imagina e que, felizmente, está acessível a todos nós. É quase certo que elas usem um conhecimento abandonado por muitos há gerações: uma ótima rede de contatos. Sim, muitas das pessoas que parecem ter sucesso em tudo que fazem têm em mãos um poder “secreto“, e que lhes auxilia, e muito, a conquistar tudo aquilo que querem.

Conhecer a pessoa certa, é uma ferramenta muito poderosa que pode lhe ajudar a chegar em determinados lugares, atingir certos grupos de pessoas, saber a resposta certa, conhecer o caminho mais curto entre o seu desejo e a conquista do objetivo. Sim, é uma “vantagem injusta” se analisarmos por um determinado ponto de vista. Mas é algo que está disponível para todos, basta você fazer uma coisa que deveria ser natural a todo ser humano: se socializar … 😉

Sim, conhecer pessoas, tanto novas quanto as já conhecidas (essas no sentido de conhecer suas histórias, seus hobbies, etc). Mas, já reparou como temos nos fechado em uma redoma invisível a cada dia que passa ? Cada vez olhamos mais para o nosso próprio umbigo, e a tecnologia teve certa parcela de “culpa” nessa história. Quantas vezes olhamos para a mesa ao lado, em um restaurante, e vemos as pessoas compenetradas em seus celulares, deixando a companhia “de carne e osso” de lado ? Sim, sei que o poder de comunicação que o celular pode oferecer é enorme. Se bem usado ele tem como potencializar (e muito) o relacionamento com a sua rede de contatos.

Claro que você dificilmente terá a oportunidade de ser amigo íntimo do Buffett … Mas vai que você conhece alguém que conhece alguém que conhece alguém que poderia lhe colocar em contato com ele ? Essa é a ideia de uma rede de contatos: você ter acesso a pessoas que podem lhe ajudar em determinadas ocasiões/situações, através da apresentação de uma pessoa que você conheça.

Pense por exemplo em alguém que está lançando um novo projeto. Conhecer alguém que tenho o poder de lhe apresentar a um grupo de clientes, ou que a como ter acesso a uma linha de crédito com condições especiais, ou a um profissional que está lhe fazendo falta para a conclusão deste projeto, pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso. Ou você não concorda com isso e acha que pode dar conta de tudo, que pode ir atrás de tudo. Que basta “força de vontade” e pronto: você terá acesso a tudo e a todos.

Não … a coisa não funciona deste jeito …

Mas como conseguir praticar um networking eficaz ?

–  “Como posso criar a minha rede de contatos ? Sou extremamente tímido, não consigo iniciar uma conversa com um estranho para iniciar um relacionamento com ele …

Continue lendo …

O líder Samurai

O lider samurai girado pq

Não é de hoje que os livros tentam traçar ligações entre determinados grupos e os gerentes e líderes de empresas. Quanto mais apelo emocional tiver, melhor. Quanto mais rica for a mitologia por trás destes grupos, mais interessante ficam as (possíveis) relações entre o alvo de estudo e o grupo a se beneficiar com isso.

Como não fazer isso com os Samurais ? Grupo de guerreiros que protegeram/governaram o Japão por tantos séculos, com um estilo de vida peculiar, que desperta o encanto de muitas pessoas. Eu sou um exemplo disso. Adoro histórias que envolvam estes guerreiros, suas batalhas, seu estilo de vida, seu comportamento, sua tranquilidade para suportar tudo o que pudesse acontecer. (se bem que sou apaixonado pela cultura japonesa como um todo, hehehe)

O que poderia fazer com que os Samurais pudessem existir por tanto tempo, seguindo seu estilo de vida por quase toda a sua existência ? Teoricamente deveria existir alguma coisa que os mantivesse “na linha”, tão fieis a uma cultura tão única quanto a deles.  E existia: o código Samurai.

O código Samurai

Era justamente ele que guiava as ações destes guerreiros. O que deveria ser feito ?

Agir de forma honrada. A honra não é negociável. Ela é uma exigência básica

Agir com coragem e espírito de guerreiro. Quando souber o que precisa ser feito, entre em ação.

Agir com retidão. Faça a coisa certa.

Ser leal. Sem lealdade, não há confiança.

Ser compassivo. Para ser um líder, a pessoa precisa se interessar pelos outros.

Apreciar as artes. A arte é a porta de entrada para compreender e apreciar a vida.

Ser honesto. Sem honestidade, não há credibilidade.

Ser polido. Isso mostra respeito e facilita o relacionamento com todos.

Agir com autocontrole. Para gerenciar os outros, primeiro a pessoa precisa conseguir gerenciar bem a si mesma.

Nos primeiros capítulos do livro, o autor faz questão de ilustrar cada uma destas “regras” do código através de histórias de famosos Samurais, que ao realizarem seu trabalho, precisaram fazer uso de algum destes pontos. Além disso, usa também eventos vividos por empresas, e seus gerentes, onde a mesma regra foi adotada.

Uma forma interessante de olharmos o código sendo “colocado” em prática. 😉

Continue lendo …