Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Compra de Volatilidade: o meu 4º teste

E não é que voltarei a testar essa estratégia ? 🙂

Sim, depois de ter feito 3 testes, sem obter o resultado desejado (por erro de timing, achava que a alta viria), e quase 5 anos depois, acho que é chegada a hora de dar uma nova chance ao Boi. Mas uma mudança básica, e fundamental, será implementada: ao invés de fazer a venda de opções com strike superiores à cotação atual, farei com opções dentro do dinheiro. Quem me deu o toque foi o Christian, no twitter.

Ele me lembrou de um detalhe muito especial: ao usarmos opções dentro do dinheiro, a necessidade de uma alta explosiva é menor. Ambas as opções (a vendida e a comprada) têm menos gordura e poderão acompanhar mais de perto o desempenho do papel. Se ele subir 10¢, as opções andarão praticamente a mesma coisa.

Ah, para facilitar um pouco as coisas, indico a leitura dos seguintes posts:

Compra de Volatilidade: o meu 1º teste
Compra de Volatilidade: o meu 2º teste
Compra de Volatilidade: o meu 3º teste

Eles são os relatos das primeiras experiências, com a base teórica por trás da montagem em cada oportunidade.

Esta operação visa ganhar com a alta !

O motivo para a nova tentativa é um só: acho que estamos próximos de ver um repique nas cotações, após a forte queda de janeiro. Se isso acontecer, a oportunidade de venda, pura e simples, ainda não está na tela. Já que a oportunidade de ganho está, provavelmente, no lado da alta, a compra de volatilidade é uma operação interessante a ser utilizada. 😉

Como dito, usarei opções dentro do dinheiro, para tirar proveito da magreza delas. Desta forma o movimento delas será mais realista em relação ao papel. Me tira o fator “proteção”, para o caso da alta não acontecer (e que usei nas outras 3 vezes), mas acredito que seja uma tentativa válida.

De novo não será uma operação grande demais, para em caso de erro controlar a perda, mas grande o suficiente para justificar a operação. Assim que tiver feito a montagem, aviso no twitter. 😉

Repito o pedido: leia os 3 posts indicados acima. Com a leitura deles você poderá entender a filosofia da operação e os motivos que me levaram a pensar nela. Leitura rápida e tranquila, sem muito nhém nhém.

Mas, agora, me diga: você já tem alguma experiência com esse tipo de operação ?