Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Deixe a vergonha de lado e use seus cupons de pesquisa !

cebola-do-outback pq

Prática muito comum lá fora, os cupons de pesquisa (que nada mais são do pesquisas onde você apresenta sua opinião sobre os serviços e os produtos de um determinado estabelecimento, em troca de um brinde) começam conquistar os brasileiros.

Ok … Ok … Ok … A imensa maioria dos exemplos que eu posso lhe dar é de redes americanas, mas quem sabe isso não acabe contagiando as brasileiras também ? 😉

Mas parece que antes das redes brasileiras se empolgarem com a ideia, tem um outro grupo que precisa deixar a vergonha de lado e passar a usar tal ferramenta: o consumidor brasileiro. Sim, uma grande parte do público brasileiro tem vergonha de chegar no estabelecimento com o cupom em mãos para ganhar um produto de graça.

Mas o que são estes cupons ?

Você provavelmente já sabe do que estou falando, se bobear até já usou. 🙂

Como falei no início, estes cupons de pesquisas são ferramentas adotadas pelos estabelecimentos (normalmente do ramo de alimentos) para verificar junto ao consumidor sua opinião, suas impressões sobre o negócio em si. São perguntas do tipo: “o ambiente estava limpo ?”, “a comida estava boa ?”, “o atendente foi simpático ?”, etc etc etc …

São perguntas simples, mas que para o estabelecimento passam a imagem real que o consumidor tem do negócio. Se usadas da maneira correta, estas informações servirão para realimentar o sistema e, se for preciso, ajustar os procedimentos internos do negócio. (ou externos no caso das perguntas relacionadas à aparência)

Em sua maioria pesquisas rápidas, de 1 ou 2 minutos, com perguntas de múltipla escolha ou com notas – de 0 a 10 ou de 1 a 5 – que ajudam as duas partes. Por quê ? Simples: se você (e mais alguém) reclama de um ponto específico, o estabelecimento tem a oportunidade de fazer um ajuste e com isso te oferecer justamente aquilo que você quer receber.

Alguns exemplos

Onde já vi este tipo de pesquisa em ação ? No Outback (“nem gosto” … bleargh !), onde você ganha uma entrada em troca da pesquisa. No Subway, onde você ganha um cookie. No Burguer King, onde você ganha um sanduíche. No Kimitachi, onde você ganha pontos e os troca por sushi.

Uma característica padrão deste tipo de ação é que o participante precisa usar um cupom de pagamento de uma compra anterior (por isso cupom de pesquisa) para que a pesquisa tenha validade. (e consequentemente o estabelecimento dê o brinde)

Mas o brasileiro tem vergonha …

Convenhamos: muitas vezes tem vergonha pelos motivos errados … mas tudo bem. 🙁

Quantas e quantas vezes vi o consumidor chegar de mansinho, na surdina, chamar o atendente num canto e dizer “olha, vou usar esse cupom”, quase como se estivesse comprando ou oferecendo drogas. A vergonha é enorme ! Medo de alguém ver que a pessoa está “mendigando” pelo brinde ? Deixe a vergonha de lado ! Você não está fazendo um favor (e muito menos pedindo !) a ninguém. A troca é justa, ambos saem ganhando com isso. 🙂

Mas só faça um favor: responda a pesquisa com sinceridade. A oferta não está acontecendo justamente para que o estabelecimento comercial possa aprender com a sua opinião ? Se você estiver preenchendo a pesquisa somente para garantir o brinde o estará enganando … Não é mesmo ?

Me diga: você costuma usar esta estratégia ? 😉

Leitura relacionada:

Percebeu que comer fora está cada vez mais difícil ?