Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

É um bom negócio abrir uma factoring ?

Pergunta:

Abrir uma empresa Factoring, é um bom negócio?

 

Resposta:

Bom dia Cesar,

Se eu acho que abrir uma empresa de factoring é um bom negócio ? Olha … vamos pensar juntos e olhar pelo lado da necessidade do serviço e da oportunidade de negócio ? 😉

Como é bem sabido por todos, o Brasil enfrenta uma grave deficiência na área do crédito praticamente desde sempre. Seja por conta das altas taxas de juros aplicadas por quem oferece as linhas de crédito, ou por causa da “mão fechada” na hora de escolher quem pode ou não pode obter crédito.

É um item de extrema necessidade para qualquer país que deseja (e precisa !) crescer. E como sabemos … não é algo que tenhamos no Brasil. Não ao menos do jeito que gostaríamos que fosse. Não do jeito que precisamos que seja. 🙁

Em muitas situações, conseguir uma linha de crédito é tão difícil quanto ganhar na loteria.

Ok … existem linhas oferecidas por órgãos estatais (leia este livro que pode lhe ajudar com isso) e que deveriam ser de fácil acesso para todos. Mas, que nas mãos do povo lá de cima, acaba sendo usado como ferramenta política. Somente os amigos do rei conseguem acesso. Ou então, através de formas não tão corretas …

Mas voltemos à factoring. A área de atuação deste tipo de negócio não é justamente esse ? Oferecer crédito para empresas que precisam dele ? Se existe uma deficiência no mercado, não seria uma boa oportunidade de negócio ? BINGO ! 😉

Sim, eu acredito que seja uma boa oportunidade. Claro, como toda oportunidade, tem seus riscos. Cabe ao interessado analisar o mercado onde pretende atuar (a região), os potenciais clientes, as formas conhecidas de se proteger contra os golpes que costumam ser aplicados, etc etc etc.

O grande problema que existe neste tipo de negócio é a tênue linha que separa uma factoring de um agiota. E sim, muita gente confunde os dois tipos de “negócio”. Para começar, as factoring só podem atuar junto a empresas. Só podem fornecer crédito (através da compra de cheques ou outros tipos de dívida) para empresas legalizadas e formalizadas. Atuar junto ao grande público ? Não … não é essa a praia desse negócio.

Como disse, analisando a deficiência do mercado de crédito no Brasil, me parece sim ser um bom negócio. Mas a conclusão final cabe a você. E somente a você …

Você está interessado, de verdade, nesse mercado ? Indico que antes de se aventurar, de dar qualquer primeiro passo, você leia o livro de Domingos Gondek. Leia o livro “Monte sua própria empresa de Factoring“. Ele servirá de guia para a criação do seu negócio. Lhe ajudará a sanar as principais dúvidas que envolvem o empreendimento. Um livro escrito por alguém que atua na área, para quem deseja atuar na área. 😀

Espero ter lhe ajudado. 🙂

Abraços !