Clube do Pai Rico
Adquira o seu agora mesmo!

IFR – O que o Zé faz para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores ?

Hoje é chegada a hora de falar sobre o IFR, um dos indicadores mais conhecidos do mercado. (para não dizer o mais conhecido …)

Um dos principais motivos para a popularidade por ele adquirida está no fato de sua fácil leitura e interpretação. Um detalhe ? A forma que você provavelmente usa não é a única correta. 😉

O IFR mostra como está o mercado

Simples, rápido e prático. O IFR mostra como está o mercado, sobre-comprado ou sobre-vendido. Basta olhar o gráfico onde seus valores estão plotados e você terá a resposta imediatamente. Pronto. Fácil não é mesmo ? 🙂

Claro … como qualquer ferramente de Análise Técnica o IFR não pode ser usado de forma isolada, bem como existem diversas formas de calibragem. Existem operadores que adotam o período de 9 dias, alguns de 14 e outros com outros períodos, mas os mais comuns são os que citei. Além disso também existem variações dos valores que indicam o ponto de sobre-compra ou de sobre-venda, para alguns eles são 30 e 70, para outros 20 e 80. (estes números são literalmente os valores plotados pela ferramenta)

Acima da marca superior (70 ou 80) indica sobre-compra, abaixo da inferior (20 ou 30) indica sobre-venda. Mas como eu disse você não deve levar em consideração isto como verdade absoluta, nada impede que ele fique apresentando a marca máxima, de 100, por semanas, bem como o contrário, que fique marcando 0. Já vi isso acontecendo muitas vezes, no próprio movimento atual, que considero iniciado em outubro de 2002 o Ibovespa ficou 7 semanas seguidas (no gráfico semanal) marcando 100 para somente ai iniciar uma correção nas cotações …

Então simplesmente estar acima da marca superior não é sinal de que vá cair, e consequentemente abaixo da inferior será sinal de alta. Este indicador deverá ser usado em conjunto com outros e a soma de indicações lhe trará um pouco mais de certeza na possibilidade de um novo movimento.

E quais as outras formas de usar ?

Tenho certeza que a forma apresentada já era de seu conhecimento, mas o uso do IFR para verificar divergências, também era ? 🙂

Pense no seguinte, o IFR vai subindo, caindo, subindo e caindo, porém os fundos vão mostrando uma clara tendência de alta. Enquanto isso, no gráfico das cotações, o negócio não é assim tão bom … A formação de fundos maiores não se repete. Fique atento, pois uma oportunidade de compra pode estar surgindo. O contrário também é verdadeiro. (na análise técnica as coisas servem para comprar e vender, bastando ser o contrário)

E o que eu uso ?

Eu costumo usar a forma tradicional, a mais básica possível. (se prestarem atenção, em praticamente todos os indicadores que apresentei olho a forma mais básica possível … tudo visando facilitar a leitura)

Uso somente a informação de sobre-compra ou sobre-venda, obviamente em conjunto com outras ferramentas e indicares. 😉

Uso o IFR com período de 9 dias, e como marcas uso 20 e 80. Adoro quando ele atinge o 0 ou 100 (e isso acontece muito, em todos os tempos gráficos …), liga a luz amarela e eu fico na expectativa de sinalização de outros indicadores. Lembre-se, não é porque atingiu 0 ou 100 que uma indicação de operação foi dada, isso serve apenas de alerta para o que pode estar por vir.

Não que eu fique esperando atingir 0 ou 100, o rompimento do 20 ou 80 já é o suficiente para chamar a minha atenção, mas o 0 ou 100 além de acender a luz aciona a sirene também, hehehe. 😉

Exemplo

O gráfico que estou de olho neste exato momento é o apresentado abaixo. O IFR zerado serve para colocar a ação no meu radar. A partir deste momento fico aguardando que outros sinais sugiram a entrada na operação.

Comprar somente porque o IFR está zerado ? Não !! Definitivamente não !! Ele é somente um dos ingredientes que deve ser usado nesta “receita”. 😉

E você, costuma usar o IFR ? De qual forma ?

Abraços ! E acompanhem semanalmente a série. Aconselho a todos que assinem o Feed RSS e o Twitter, pois desta forma serão sempre avisados quando um novo texto for publicado.

Outros textos desta série:

Um resumão de tudo o que já passei

Não sabendo de nada, segui os outros …

A minha escolha: Análise Gráfica !

STOP !!

Um estranho no ninho

Suportes e Resistências

Candlestick

Volume

Médias Móveis

Fibonacci