Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum

 www.ClubedoPaiRico.com.brBlog - www.ClubedoPaiRico.com.br   FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

Sugestão de artigos que devem ser lidos no site do Clube:

- Como o Zé ganha na Bolsa ?
- Iniciando seus investimentos
- Por que o problema é dos mais ricos ?
- Você está preparado para a velhice ?
- O texto definitivo: Saiba como ganhar MUITO dinheiro na bolsa !
- Fez errado … ? Então pague o preço !!
- O Controle do Fluxo de Caixa e suas barreiras
- Você está no vermelho ? O que tem feito para mudar isto ?
- Formando o seu colchão de segurança



Além disso, indico duas séries especiais:

- Iniciando seus Investimentos: a série
- O que o Zé faz para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores ? (Índice)


Vamos passar a bomba para outro ? :)

 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Notícias
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
Zé da Silva
Proprietário do Site

Proprietário do Site<br>





Registrado em: Quinta-Feira, 17 de Novembro de 2005
Mensagens: 9215
Localização: Florianópolis - SC

MensagemEnviada: Dom Fev 08, 2009 11:33 am    Assunto: Vamos passar a bomba para outro ? :) Responder com Citação

Citação:
EUA devem ajudar bancos a vender ativos "tóxicos"

ANDREA MURTA
da Folha de S.Paulo, em Nova York

O secretário do Tesouro dos EUA, Timothy Geithner, deve anunciar amanhã um novo plano para ajudar o sistema financeiro colapsado do país, que, em vez de criar oficialmente um "banco ruim" com ativos tóxicos, irá incentivar investidores privados a comprar títulos problemáticos por meio da garantia de absorção de parte dessas perdas se o valor dos papéis continuar a cair.

O objetivo dessa medida é livrar os bancos de seus piores ativos, de modo que possam atrair mais investidores privados que tragam recursos.

A informação foi divulgada ontem pelos jornais "The New York Times" e "Wall Street Journal", que dizem que um elemento central do novo plano será a expansão de um programa de empréstimos que começou em novembro no Fed (banco central) de Nova York, então liderado por Geithner.

O programa, inicialmente financiado com US$ 200 bilhões do Fed, tem só US$ 20 bilhões dos US$ 700 bilhões aprovados pelo Congresso em outubro do ano passado para o plano de resgate de Wall Street (Tarp, na sigla em inglês). O dinheiro é liberado a investidores para que comprem títulos garantidos por empréstimos estudantis, automotivos ou de cartões de créditos -outros tipos de papéis estão em estudo.

A decisão de incentivar investidores privados a adquirir ativos "podres" também tira do governo a responsabilidade de gastar bilhões de dólares adicionais com dinheiro do contribuinte americano, que era a ideia do "banco ruim".

Segundo membros do governo, não vai haver por enquanto a nacionalização de instituições nem pedido ao Congresso para mais fundos além dos US$ 350 bilhões da segunda metade do Tarp. Este, porém, poderá ser renomeado e tornado independente do Tesouro para melhorar sua imagem e deverá ter novas condições para empresas que buscam ou já receberam ajuda -incluindo a obrigatoriedade de divulgar a forma como o dinheiro é gasto. Já divulgado que haverá limitação para o pagamento de executivos.

O governo também estuda a conversão de ações preferenciais adquiridas dos bancos por ações comuns a longo prazo.

Além do plano financeiro, o presidente Barack Obama continua a pressionar o Congresso pela aprovação do pacote de estímulo à economia, com o qual pretende criar ou manter cerca de 4 milhões de empregos.

Estímulo à economia

Em sua mensagem semanal de rádio ontem, Obama elogiou o acordo no Senado que reduziu na sexta-feira seu pacote a US$ 780 bilhões para atender a exigências republicanas (em negociações, ele chegou a ultrapassar os US$ 900 bilhões).

Mas ele manteve o tom acusatório e citou os dramáticos números do desemprego nos EUA, que perdeu quase 600 mil postos em janeiro, para pedir a aprovação rápida da lei.

"[Sexta] começou com notícias devastadoras sobre nossa crise econômica", disse Obama sobre o desemprego. "Mas, à noite, democratas e republicanos se uniram no Senado e responderam apropriadamente à urgência do momento."

Ele criticou em tons partidários os adversários que preferem cortes de impostos a gastos públicos. "Não podemos esperar alívio das velhas teorias que, em oito anos, dobraram a dívida nacional, colapsaram a economia e nos levaram a essa confusão." Segundo a página do Senado na internet, a votação deve ocorrer na terça. Se aprovado, tem que voltar para a Câmara devido às mudanças.

Em vez de assinar a lei rapidamente como desejava, Obama passou suas primeiras três semanas no poder lidando com legisladores relutantes -inclusive alguns democratas. Nesta semana, ele abandonou os discursos conciliatórios e passou a usar palavras mais agressivas.

_________________
www.ClubedoPaiRico.com.br
Educação Financeira
---
Pai Rico Pai Pobre, o livro que me motivou a criar o Clube !
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar Email Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Notícias Todos os horários são GMT - 2 Hours
Página 1 de 1

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibído.
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído.
Excluir Mensagens: Proibído.
Votar em Enquetes: Proibído.








Junte-se a nós e cresça financeiramente. Eduque-se Financeiramente !!


Powered by phpBB © 2001, 2002 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB
Header design *Ícaro Pablo*