Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum

 www.ClubedoPaiRico.com.brBlog - www.ClubedoPaiRico.com.br   FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

Sugestão de artigos que devem ser lidos no site do Clube:

- Como o Zé ganha na Bolsa ?
- Iniciando seus investimentos
- Por que o problema é dos mais ricos ?
- Você está preparado para a velhice ?
- O texto definitivo: Saiba como ganhar MUITO dinheiro na bolsa !
- Fez errado … ? Então pague o preço !!
- O Controle do Fluxo de Caixa e suas barreiras
- Você está no vermelho ? O que tem feito para mudar isto ?
- Formando o seu colchão de segurança



Além disso, indico duas séries especiais:

- Iniciando seus Investimentos: a série
- O que o Zé faz para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores ? (Índice)


Você sabe o que é um FII?

 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Imóveis
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
Gabriella



Registrado em: Quarta-Feira, 24 de Março de 2010
Mensagens: 6

MensagemEnviada: Sex Fev 24, 2012 11:34 am    Assunto: Você sabe o que é um FII? Responder com Citação

Fundo de investimento imobiliário, FII
Comunhão de recursos captados por meio do sistema de distribuição de valores mobiliários e destinados à aplicação em empreendimentos imobiliários. Constituídos sob a forma de condomínio fechado, podem ter prazo de duração indeterminado. A constituição e funcionamento dos FII dependem de registro prévio na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) que é concedido automaticamente mediante entrega de conjunto de documentos e informações. Podem investir em empreendimentos imobiliários representados por quaisquer direitos reais sobre bens imóveis e títulos de renda fixa e variável. Apresentam os seguintes limites: (a) de Investimento - Fundos que invistam preponderantemente em valores mobiliários devem respeitar certos limites de aplicação por emissor e por modalidade de ativos financeiros. Não existem limites para investimentos em cotas de fundos de investimento em participações (FIP), cotas de FII e certificados de recebíveis imobiliários (CRI); (b) de Distribuição - Deverão distribuir a seus cotistas, no mínimo, 95,0% dos lucros auferidos, apurados segundo o regime de caixa, com base em balanço ou balancete semestral encerrado em 30 de junho e 31 de dezembro de cada ano.

Fonte: Dicionário de Finanças - http://manual.uqbar.com.br/portal/Manual/default/Content?action=2&uri=%2FManual%2FF%2Ffundo_investimento_imobiliario.html
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
MercadoCanal



Registrado em: Sexta-Feira, 4 de Outubro de 2013
Mensagens: 6

MensagemEnviada: Sex Jan 03, 2014 1:26 pm    Assunto: FUNDOS IMOBILIÁRIOS Responder com Citação

Pessoal,

Segue um artigo muito interessante que explica o que são Fundos Imobiliários e como eles podem agregar ao portfólio do Pequeno Investidor. Linguagem clara e objetiva para aqueles que estão adentrando no universo deste produto sensacional.

Comprar um apartamento para alugar ainda é um bom negócio? Se você conhece Fundos Imobiliários pode não ser…



Até o final deste texto te apresentarei um produto de investimento que poderá realizar aquele desejo de ter um imóvel para alugar, sem precisar se preocupar com inquilino folgado e que não paga o aluguel em dia.

Outro dia estava tomando café no trabalho quando encontrei um amigo que comentou ter um imóvel alugado e que usa o valor recebido do aluguel para quitar as parcelas de outro imóvel que está financiando. A ideia é bem interessante. Em tese você só precisa ter o dinheiro da entrada do segundo imóvel, e o aluguel recebido do primeiro se encarrega de pagar as prestações mensais.

Mas a dúvida surgiu quando ele me perguntou o que eu achava de ele comprar um terceiro imóvel e colocar para alugar. Lembrei que somente em países com histórico de altas taxas de inflação a cultura de ter a casa própria é forte.

Isso porque, financeiramente, não faz muito sentido imobilizar um valor tão alto no início da vida profissional, tendo à frente duas outras questões a ser analisadas: a grana poder ser aplicada, ou ainda pelo fato de o jovem estar em processo de solidificação na carreira a chance de se mudar de emprego e cidade é maior.

Voltando ao meu amigo, lembrei-o que quando colocamos um imóvel para alugar temos que nos preocupar com algumas questões: A qualidade do inquilino é boa? Será que ele vai danificar o imóvel? Será que vai pagar o aluguel em dia? E a vacância? Meu imóvel corre o risco de ficar vazio por muito tempo?

Ah, esqueci de dizer que o valor recebido por meio do aluguel tem que ser declarado no Imposto de Renda, ou seja, coloque o Leão na conta.

Não quero te desmotivar, afinal imóveis ainda são um excelente investimento, mas na maioria das vezes apenas para profissionais. Vejam Donald Trump e Robert Kiyosaki, este último autor do Best Seller Pai Rico Pai Pobre: fizeram verdadeiras fortunas no mercado imobiliário. O livro do Kiyosaki é justamente sobre isso – construção de patrimônio e renda passiva, por este último podemos entender aquele pinga pinga de todo mês.

Se é tão difícil, o que fazer então?

Comprar e vender imóveis é mais uma arte do que ciência. E o mundo não está cheio de artistas por ai. Mas não vamos desesperar porque eu também reprovei em educação artística no Ensino Fundamental. Lembro que tive que fazer um desenho do Portinari, e como era péssimo pedi a um amigo para fazer para mim, o que foi surpreendentemente sacado pela professora. Não sei como ela percebeu! Mas nem por isso eu deixo de ter meu pinga-pinga no fim do mês.

Se eu te disser que o shopping que você vai passear, o hospital que visita quando está doente, ou até a faculdade em que seu filho estuda podem ser do mesmo dono, o que você diria?

Pois é, esse “dono” é na verdade um conjunto de sócios que recebe todo mês 95% da receita vinda dos alugueis desses imóveis. E pode ficar melhor, essa graninha é líquida de IR, você não precisa pagar o leão. Essa gracinha é conhecida como Fundo Imobiliário.

Um ponto bacana desse produto é que você pode comprar e vender a cota quando quiser na Bolsa de Valores com um código (ticker) igual a uma ação. Os valores das cotas podem ir de R$ 100 a R$ 1.000 dependendo do Fundo que você escolher.

A maior vantagem de comprar uma cota, ao invés de colocar um imóvel para alugar, é que você não tem que se preocupar se o inquilino vai depredar o imóvel, se vai atrasar o pagamento etc. Há um gestor e uma equipe profissional com muito mais habilidade que você ou eu para atuar nesse tipo de questão.

Você pode ainda escolher se quer um fundo que aplique em imóveis comerciais, galpões comerciais, shoppings, papéis como CRI, LCI, ou ainda fundos que compram cotas de outros fundos e diluem o risco com muitos ativos diferentes, pois se um deles ficar inadimplente os outros de certa forma compensam, e o pagamento do mês (yield) não é muito afetado.

Além do que, a cota é negociada em Bolsa (seu valor oscila diariamente) e você pode acabar vendendo-a mais cara do que comprou, auferindo ganho de capital. Em alguns casos o ganho de capital é maior que o rendimento mensal. Só vale lembrar que, quando vender a cota, terá que pagar IR de 20% sobre o lucro da venda.

Qual é a rentabilidade de um bom Fundo Imobiliário?

Devemos buscar rentabilidades acima de aplicações conservadoras, como títulos públicos atrelados à Selic (LFT), por exemplo, o que com certeza será um valor bem acima de um aluguel. Se você compra uma cota por R$ 100 e recebe um yield de R$ 1 por mês, equivale a 1% de rendimento líquido de IR na sua conta.

Qualquer rendimento atrelado à Selic vai pagar menos que isso (mais ou menos 0,80%) e ainda terá que pagar IR de no mínimo 15%, sem falar em possíveis taxas de administração.

Não estou dizendo que é o melhor investimento do mundo, até porque não há investimento perfeito, mas deve sim fazer parte do portfólio dos investidores. Há risco? Sim, alguns. Se o fundo tiver pouca diversidade de imóveis, a vacância de um imóvel pode derrubar a rentabilidade mensal do fundo.

Sem falar em eventos que fogem do mercado imobiliário, como crises internacionais que derrubam todos os mercados, e a renda variável – que mais costuma sofrer, pois possui maior risco ou, tecnicamente falando, um beta elevado.

Uma dica que posso te dar para escolher um bom Fundo Imobiliário é que não basta olhar a rentabilidade (yield), mas um conjunto de fatores, como possuir muitos imóveis, aplicar em setores diferentes e a duração dos contratos. Assim você não elimina o risco, mas o reduz.
Há uma série de sites que fazem essas análises gratuitamente (como o Tetzner, por exemplo).

Dicas para começar? Eu gosto muito do BRCR11, BCFF11 e AEFI11. Não são indicações de investimento, apenas fundos que gosto.

Veja mais dicas em : http://mercadocanal.com/comprar-um-apartamento-para-alugar-ainda-e-um-bom-negocio-se-voce-conhece-fundos-imobiliarios-pode-nao-ser/
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Imóveis Todos os horários são GMT - 2 Hours
Página 1 de 1

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibído.
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído.
Excluir Mensagens: Proibído.
Votar em Enquetes: Proibído.








Junte-se a nós e cresça financeiramente. Eduque-se Financeiramente !!


Powered by phpBB © 2001, 2002 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB
Header design *Ícaro Pablo*