Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum

 www.ClubedoPaiRico.com.brBlog - www.ClubedoPaiRico.com.br   FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

Sugestão de artigos que devem ser lidos no site do Clube:

- Como o Zé ganha na Bolsa ?
- Iniciando seus investimentos
- Por que o problema é dos mais ricos ?
- Você está preparado para a velhice ?
- O texto definitivo: Saiba como ganhar MUITO dinheiro na bolsa !
- Fez errado … ? Então pague o preço !!
- O Controle do Fluxo de Caixa e suas barreiras
- Você está no vermelho ? O que tem feito para mudar isto ?
- Formando o seu colchão de segurança



Além disso, indico duas séries especiais:

- Iniciando seus Investimentos: a série
- O que o Zé faz para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores ? (Índice)


Faculdade! O que fazer?!
Ir à página Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Próximo
 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Educação Financeira / Economia Doméstica
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
David Albuquerque



Registrado em: Terça-Feira, 2 de Junho de 2009
Mensagens: 14

MensagemEnviada: Qui Out 01, 2009 1:30 am    Assunto: Responder com Citação

Citação:
A diferença REAL entre ativo e passivo.
As vantagens tributárias de se ter uma empresa.
A falência gradual do INSS.
Conceitos básicos de negociação e venda.
Conceitos básicos de marketing.
Dentre outros.


Caro Akenaton,
Poderia começar me explicando o 2º item?

Agradeço Laughing
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
cadime
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Sábado, 3 de Outubro de 2009
Mensagens: 73

MensagemEnviada: Qui Out 15, 2009 8:39 pm    Assunto: Responder com Citação

Grande tópico, aqueceu ainda mais meus pensamentos sobre a utilidade de uma faculdade, se existem tantas diferenças entre a X e a Y e etc, agora, gostaria de saber se alguém do fórum fez ciências econômicas e se gostou, se é realmente útil, pois é o que eu gostaria de fazer.
Abraços
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar Email
vitall



Registrado em: Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2009
Mensagens: 10

MensagemEnviada: Dom Nov 15, 2009 10:53 am    Assunto: Responder com Citação

akenaton

francamente cara, do jeito que tu falou, fico parecendo que todo mundo que fez faculdade é burro, que sera empregado e etc

tem gente que não faz faculdade pra conseguir um salario, faz facul pq quer exercer tal profissão, sonha em atuar em tal area, acredito que haja muita gente que vê na indenpendencia financeira um modo de poder atuar na area que quiser sem se preocupar com o dinheiro, por exemplo: RK é escritor, mas ganha dinheiro no mercado imobiliario Wink

tem gente que faz facul pq ama oque faz Very Happy
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
ajsilva
Nível 3

Nível 3<br>




Registrado em: Sexta-Feira, 2 de Novembro de 2007
Mensagens: 370
Localização: Salvador, Bahia.

MensagemEnviada: Dom Nov 15, 2009 2:27 pm    Assunto: Responder com Citação

Vocês me fizeram lembrar um amigo de meu pai, enquanto eu estudava na Escola Tecnica ele que era micro empresario queria tirar o filho da escola dizendo que no futuro abriria um negocio para ele, hoje faço faculdade de ciencias contabéis, estou juntando dinheiro para abrir meu negocio um escritorio de contabilidade, para mim a faculdade será de fundamental importancia na iniciação como empreendedor pois quero conhecer do negocio para botar gente para trabalhar para mim agora se quer vender coisas pela internet, abrir um quitanda talvez a faculdade não seja tão importante.
_________________
Se você acredita em tudo que lê, simplesmente não leia.
Mao Tse
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar Email
kikitsune
Nível 1

Nível 1<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 21 de Mai de 2007
Mensagens: 83

MensagemEnviada: Sex Nov 20, 2009 8:28 pm    Assunto: Responder com Citação

marcusnunes escreveu:
Conhecimento útil é o que você consegue transformar em algo concreto. Smile


Muito cuidado nesta hora. Esse é o caminho para o retrocesso de qualquer nação ou negócio.

Por essa linha de raciocínio, não deviamos ter bebês. Um organismo que não sabe fazer nada, dá trabalho por diversos anos, e atingindo a maioridade, nada garante que não dê ainda mais dor de cabeça virando um mané.

Claro que estou parafraseando o prof. Moyses Nussenzveig , a respeito do que Faraday (ou Benjamin Franklin, a autoria é controversa) respondeu para um pragmático "brinquedo interessante, mas não vejo nenhuma utilidade nisso"

"Senhor, o mesmo pde ser dito sobre bebês, mas continuamos a tê-los"

(na verdade ele respondeu a William Gladstone sobre o brinquedo "eletricidade": Senhor, há uma grande probabilidade que possam taxa-lo!")

O fato é que prefiro o bebê. E o bebê inútil de Faraday gerou tudo o que conhecemos hoje.

E decerto parecia muito inútil numa época onde cavalos eram bem mais úteis.

Mas retomando sobre inutilidade, o que me lembra que nossos hermanos acadêmicos tem de dar voltas com um tal de Hugo Chavez que diz a mesma coisa, retomemos ao vosso processo de aprendizado aos 5 anos de idade.

Agora vocês nem pensam muito sobre isso. Mas se fossemos na linha de "utilidade", a alfabetização não é o exemplo clássico de centenas de milhares de folhas de papel usadas de forma inútil?

Pra que gastar mais de 100 folhas por ano com desenhos horríveis, coloridos porcamente? Para a mamãe e o papai ficarem derretidos com as obras de arte dos filhotes?

O motivo de tanta inutilidade, meus caros, é coordenação fina das mãos. Fazer movimentos bruscos e brutos qualquer um consegue. No entanto, a coordenação necessária para manusear um lápis não é a mesma de uma marreta ou um porrete.

Essa é a diferença de uma criança aprender a escrever, e de um adulto. Uma das várias razões para termos enorme dificuldade em alfabetizar adultos.

*****

Agora sobre faculdade, universidade ou qualquer outra instituição de ensino (pode ser até exército)

Para virar um Rodin, um Michelangelo, um da Vinci, vocês acham que ficar sentado na sala de aula ouvindo-os é o caminho?

Na boa... acho que se vocês fossem ao estúdio deles, e pedisse uma chance de aprender, eles pegam de um martelo e apontariam alguma madeira velha dizendo "vai lá praticar"

Se vocês querem que o professor ENSINE algo de útil para usar na sua profissão, esqueça.

Se ele for malvado ele vai ensinar a usar a ferramenta. E você vira um belo marceneiro...

Se é o que querem, há cursos ótimos de torneiro mecânico, de esteticista, de culinária: ensinam só o que é útil.

Existe uma diferença do manejo da ferramenta, virar um peão de obra, e virar um engenheiro, um empresário ou um milionário.

Lembram sobre o que falei sobre o processo de alfabetização, ser cercado de um monte de inutilidade?

Acham que algum professor me explicou aquilo lá em cima?

Eu deduzi isso há pouco mais de 6 meses. Enquanto escrevia sobre metais amorfos, por conta de um prazo.

Não sou "professora" no sentido de ter feito licenciatura. Na verdade, não conclui o curso por burrocracia. Minha formação é basicamente FISICA, especialização metais fora do equilíbrio.

Mas o fato é que porque eu tenho um monte de INUTILIDADE em minha cabeça, consigo enxegar um problema sob angulos que outros não enxergam, e nem podem enxergar.

Fica difícil ver um problema sob outra ótica, se você não tem a outra lente.

Há um risco, claro. Com tanta visão, pode-se perder o foco, pode-se distrair e cair num abismo. Mas não vai ser por cegueira.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
marcusnunes
Nível 3

Nível 3<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 13 de Abril de 2009
Mensagens: 459
Localização: São Paulo - SP

MensagemEnviada: Sáb Nov 21, 2009 11:52 am    Assunto: Responder com Citação

kikitsune,
Não me referi a nada disso, e nem considero as coisas que você citou como algo inútil.

Por exemplo, o que adianta saber o que é uma oração assindética?
Claro, tem gente que vai saber o que fazer com isso, mas na maioria das vezes não.
_________________
elas perguntam eles respondem / quotes
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
Roma9 (RIP)
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Domingo, 24 de Agosto de 2008
Mensagens: 1199

MensagemEnviada: Sáb Nov 21, 2009 2:01 pm    Assunto: Responder com Citação

Essa é uma questão bem complicado,porque todo conhecimento não utilizado é inútil até se tornar útil.Por isso que se gasta uma fortuna levando homem na Lua,fazendo equipamentos como o LHC que custou vários bilhões.

Mesmo no lado pessoal agente vê alguns casos de pessoas que tinham conhecimentos que achavam que eram inúteis e por diversos motivos ganharam muito dinheiro com isso.
_________________
“The whole secret of successful investing is non-diversification. If you know nothing –> diversity.”Charlie Munger.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
SuperGeo
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Domingo, 25 de Janeiro de 2009
Mensagens: 74

MensagemEnviada: Dom Nov 22, 2009 9:48 pm    Assunto: Responder com Citação

Não vamos tomar a exceção como regra. Tudo bem, faculdade pode não ajudar um empreendedor, assim como faculdade de Educação Física não vai ensinar ninguém a jogar futebol.

Mas o mundo não é só feito de empreendedores cujo único objetivo na vida eh alcancar a IF.

Agora me diz se alguém que faz cirurgias que salvam vidas, que trabalha na aerodinamica dos carros de F1, que levanta os maiores arranha-céus do mundo, algum presidente do federal reserve, enfim, alguém que consiga exercer essas ocupações sem educação superior?

E eu poderia apostar que a maioria dessas pessoas trabalham pela paixão pelas realizações que conseguem nas suas profissões. E nada se torna inútil quando a gente gosta do que faz.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
kikitsune
Nível 1

Nível 1<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 21 de Mai de 2007
Mensagens: 83

MensagemEnviada: Sex Nov 27, 2009 7:59 pm    Assunto: Responder com Citação

Marcus escreveu:

Não me referi a nada disso, e nem considero as coisas que você citou como algo inútil.

Por exemplo, o que adianta saber o que é uma oração assindética?
Claro, tem gente que vai saber o que fazer com isso, mas na maioria das vezes não.


House mode on.

Você não considera inútil, porque ALGUÉM te ensinou a utilidade HOJE, no SÉCULO VINTE E UM.

Vivesse na mesma época de lord Gladstone, você daria gargalhadas de Faraday e daria razão a Gladstone!

Ou seja, sozinho muito provavelmente não consegueria enxergar potencial, limitações, muito menos em como fazer acontecer. Precisaria que alguém o dissesse!

E isto acontece porque você não exercitou constantemente seu cérebro, seja com cultura útil ou "inútil". Você está perdendo tempo dando rótulos a conhecimento, quando devia usar como o cooper diário para treinar o cérebro.

Mullencampf escreveu:
ter conhecimento so para ter é inutilidade....

vc cita varias pessoas que ganharam conhecimento mas que depois se tornaram uteis, mas o fato é que o conhecimento se tornou util, mas vc tb nao citou provavelmente a grande gama de coisas que eles tiveram contato e que nao trouxeram nada de importante, ou vai saber se em virtude de entrar em contato com um conhecimento nao util eles deicharam de fazer uma descoberta mais relevante ainda para a humanidade?


Bem, espero que não tente impressionar seu patrocinador, acionista, gerente de banco pra quem vai pedir empréstimo para a supimpa idéia inovadora com esse tipo de texto.

Provavelmente porque pior do que marcus, seu cérebro exercitou menos ainda !

Culpa de Fleming e de outros inovadores... diabos ele não devia ter "descoberto" a penicilina. Assim, impedimos que a seleção natural desse cabo dos mais inaptos para sobreviver.

Coloco entre parênteses porque Fleming não "descobriu" como se fosse obra da sorte.

O que aconteceu: ele estava fazendo suas experiências, e as bactérias de uma das placas de Petri não cresceram como esperado.

Qualquer outro "utilitário" (agora vocês são carros, ok?) teria jogado fora o experimento fracassado.

Então, desculpe mas os cientistas que ficam procurando só utilidade são os que mais perdem oportunidades preciosas de descobrir a cura do cancer/aids, a energia do futuro, etc.. São os menos utilitários que não desprezam conhecimento só porque é "inútil" é que estão mais preparados para fazer as descobertas que vão mudar o mundo e nosso destino.

Fleming estava preparado para interpretar o experimento de vários ângulos diferentes. Ele não foi ADESTRADO como um operário que atarracha parafusos: ele ficou intrigado com o "fracasso" e se perguntou o que poderia ter "dado errado".

Esse tipo de postura é de um pesquisador, mas também compartilhada por gente inovadora e por empreendedores de sucesso. Eles enxergam ouro, onde todo o resto do mundo enxerga lixo.

Um governante de mente pequena não enxerga utilidade e menos ainda o potencial. Monteiro Lobato foi chacotado na sua época porque enxergou a necessidade de estudar sobre o nosso petróleo. NINGUÉM enxergou isso antes dele falar.

Aliás, um Hugo Chaves trata cultura "inútil" da mesma forma.

http://revistapesquisa.fapesp.br/?art=5898&bd=2&pg=1&lg=

Um empreendedor é ainda MAIS instado a enxergar oportunidades onde o resto do mundo só enxerga lixo. E devem realizar através de planejamento como garimpar, sem ficar se iludindo ou se enganando com falsas esperanças (isso é coisa de religioso, cientista deve se ater aos fatos).

Se você pretende ser dono de si mesmo, empreendedor ou investidor, como você identificará uma oportunidade, hm?

A grande diferença de um acadêmico alienado e de um empreendedor de sucesso é que o acadêmico não pensa em como tornar o sonho realidade. O empreendedor sonha tanto quanto o acadêmico, mas planeja as ETAPAS necessárias para tornar o sonho realidade. Não assistiram O Aviador, não?

Conclusão: vocês estão mais para uma mistura Hugo Chavez com acadêmico alienado, do que para um empreendedor que sabe planejar as coisas acontecerem.

Preciso dizer que esse tipo de comportamento costuma ser mortal? (aos 50 anos tentam se suicidar quando o desespero encontra a janela de sua casa)
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
SuperGeo
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Domingo, 25 de Janeiro de 2009
Mensagens: 74

MensagemEnviada: Ter Dez 01, 2009 10:49 pm    Assunto: Responder com Citação

É como aquele aluno que só estuda aqueles 50% da matéria que é 75% do que cai na prova.

Com certeza a justificativa foi boa, a vida é curta e só estudo o que preciso. Passar passa, mas esses daí nunca vão ser os melhores alunos da classe.

Acho que o que diferencia as pessoas bem sucedidas do resto são aqueles que dão atenção aquilo que ninguém da bola. Aqueles outros 50% que pode ser que nem apareçam na prova. Mas quem estuda tudo tá sempre lá pra, quando aparecer uma coisa que ninguém estudou, tirar um 10.

Também não é para aprender como dar um nó em nylon da forma mais eficiente utilizando varinhas de madeira de comer sushi. Mas talvez aprender português direito ia fazer pelo menos as pessoas escreverem direito nas assinaturas Wink E lá se vai um emprego por um errinho bobo.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
SuperGeo
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Domingo, 25 de Janeiro de 2009
Mensagens: 74

MensagemEnviada: Qui Dez 03, 2009 3:00 pm    Assunto: Responder com Citação

Eu entendo seu pensamento e não é que eu não concorde com o que vc fala. Só que não podemos nos deixar levar por esse pensamento e ignorar muito conhecimento importante que é o que diferencia bem sucedido dos mediocres.

Também não estou falando que o conhecimento importante é o que é ensinado nas universidades... Isso é muito relativo. Mas um bom investidor em valor, por exemplo, entende aspectos as vezes tão detalhistas sobre o negócio que muita gente poderia passar por cima por achar que isso não faz diferença ou que ele podia usar o tempo aprendendo outra coisa melhor.

podem dizer mas vai que la na frente acontece e etc etc... isso é jogar na sorte... esperar ganhar na senna tb pode acontecer la na frente.

De acordo com esse argumento eu poderia me perguntar o porquê de as pessoas fazer um colchão de segurança, já que é jogar na sorte que vai acontecer algum problema lá na frente...

Apenas reafirmando que não discordo totalmente do seu ponto de vista. Mas de qualquer jeito vc vai ter que se desempenhar em acumular conhecimento, pois é ele que vai te dar ferramentas para tomar a decisão certa quando alguma situação importante aparecer na sua frente. Ignorar muita coisa alegando falta de tempo é tolice.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
SuperGeo
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Domingo, 25 de Janeiro de 2009
Mensagens: 74

MensagemEnviada: Sex Dez 04, 2009 3:26 pm    Assunto: Responder com Citação

Citação:
ja vi muitas pessoas com muitos conhecimentos e nao passam de pessoas mediocres no resto de sua vida..... sao incriveis medicos... descobriram aquela cirurgia que cura tal anormalidade sem sequelas.... mas sao corruptos fojem da justiça e trabalhao de jeito questionavel, isso é ser bem sucedido? tem um baita dum curriculo e ser um crapula?


Mas isso ta mais pra regra do que pra exceção... Tem gente que passa no vestibular sem estudar também. E ai vamos parar de estudar?

Citação:
acreditar que alguma coisa pode dar errado é previsao de segurança


Exato, assim como uma pessoa que estuda bastante tem mais capacidade de lidar com situações imprevisíveis. Por exemplo um empresário de uma empresa de tecnologia que além de sacar sobre administração (não no sentido de faculdade) também sabe muito sobre computadores.

Não to dizendo pra acumular todo o conhecimento do mundo, mas pra não fazer como aquele presidente da empresa que ignora um papo com o operário porque considera que existem coisas mais importantes pra fazer.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
marcusnunes
Nível 3

Nível 3<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 13 de Abril de 2009
Mensagens: 459
Localização: São Paulo - SP

MensagemEnviada: Sex Dez 04, 2009 5:15 pm    Assunto: Responder com Citação

kikitsune,
Quem disse que tal coisa é útil ou inútil foi você. :P
Tudo tem utilidade para alguém.

E não sou do tipo que precisa de um orientador.
O que aprendi foi com muito estudo pelo o que eu vi, li e pesquisei, e não porque simplesmente obedeci algo ou alguém. Eu não sigo a maioria. Não são meus funcionários que tomam as decisões na minha empresa.

Se aprender com os erros dos outros na sua opinião é falta de capacidade de pensar por si só, saiba que as duas pessoas que você citou (mullencampf e eu) são líderes, e não o contrário.


No meu ponto de vista, a vida é muito curta para ser gasta com muita informação que não será utilizada. Se eu te perguntar porque de usar triggers no PostgreSQL e você não souber responder... irá gastar um pouco do seu tempo de vida para encontrar uma resposta que provavelmente nunca mais precisará usar na vida? :)

Não é preciso conhecer tudo (e nem dá) para enxergar oportunidades.
_________________
elas perguntam eles respondem / quotes
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Educação Financeira / Economia Doméstica Todos os horários são GMT - 2 Hours
Ir à página Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Próximo
Página 5 de 6

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibído.
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído.
Excluir Mensagens: Proibído.
Votar em Enquetes: Proibído.








Junte-se a nós e cresça financeiramente. Eduque-se Financeiramente !!


Powered by phpBB © 2001, 2002 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB
Header design *Ícaro Pablo*