Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum

 www.ClubedoPaiRico.com.brBlog - www.ClubedoPaiRico.com.br   FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

Sugestão de artigos que devem ser lidos no site do Clube:

- Como o Zé ganha na Bolsa ?
- Iniciando seus investimentos
- Por que o problema é dos mais ricos ?
- Você está preparado para a velhice ?
- O texto definitivo: Saiba como ganhar MUITO dinheiro na bolsa !
- Fez errado … ? Então pague o preço !!
- O Controle do Fluxo de Caixa e suas barreiras
- Você está no vermelho ? O que tem feito para mudar isto ?
- Formando o seu colchão de segurança



Além disso, indico duas séries especiais:

- Iniciando seus Investimentos: a série
- O que o Zé faz para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores ? (Índice)


Resolvi casar... e agora? Como ficam as finanças? :-)
Ir à página 1, 2  Próximo
 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Educação Financeira / Economia Doméstica
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
alprado
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 26 de Fevereiro de 2007
Mensagens: 994
Localização: Belo Horizonte / MG

MensagemEnviada: Ter Nov 02, 2010 7:35 pm    Assunto: Resolvi casar... e agora? Como ficam as finanças? :-) Responder com Citação

É pessoal, sabem da tal dúvida "se caso ou se compro uma bicicleta"? Optei pela primeira... hehe

Bom, vamos falar sério!
Estou planejando o casório com minha noiva e estamos com dúvidas sobre como preparar isto.

Não sabemos ao certo "quanto custa um casamento" e como vamos administrar as finanças nestes 12 meses que faltam.

Uma primeira ideia é termos uma conta juntos e cada um aportar uma quantidade por mês, sempre numa mesma proporção (pra ficar mais justo) e deste fundo vamos retirando pra pagar as contas do casório, sendo que se a ideia der certo devemos adotá-la para a vida a dois.

Este é o dinheiro do casal, das contas que formamos juntos. Assim temos liberdade para dar presentes, fazer cursos, ajudar família, o que quiser, com o dinheiro que cada um tem guardado para si, separadamente deste do casal (para despesas, aquisições, viagens, etc.).

Bom, queria saber da experiência de vocês:
1º (e mais importante): como planejar financeiramente um casamento?
2º como manter ou adaptar este plano durante a vida a dois?

Contem o que ja viram, leram ou como fazem!

Abraços
_________________
ALPRADO
Belo Horizonte - MG
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
Zé da Silva
Proprietário do Site

Proprietário do Site<br>





Registrado em: Quinta-Feira, 17 de Novembro de 2005
Mensagens: 9215
Localização: Florianópolis - SC

MensagemEnviada: Qua Nov 03, 2010 9:05 am    Assunto: Responder com Citação

Antes de mais nada: Parabéns ! Tomasse uma das decisões mais difíceis que existe, hehehe. Wink

Acho que a tua ideia de conta conjunta, proporcional, para as contas do casório, é uma boa.

Uma dúvida, vocês irão determinar um valor que precisará ser angariado ou vão depositar e farão a festa com o que tiver ?

Já começaram a pesquisa de preços ? Pesquise, tem de tudo.

E não tenha medo de abrir mão de alguns itens. (ou até mesmo usar algo mais simples em alguma das coisas que serão necessárias: doce, bolo, fotógrafo, filmagem, blá blá blá)

Boa sorte ! Smile

Já na vida a dois ... putz ...ao menos por enquanto tenho mantido cada um com a sua conta, mas com "pagamentos distribuídos, proporcionais".
_________________
www.ClubedoPaiRico.com.br
Educação Financeira
---
Pai Rico Pai Pobre, o livro que me motivou a criar o Clube !
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar Email Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
CãoBravo
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Quinta-Feira, 21 de Dezembro de 2006
Mensagens: 852
Localização: Belo Horizonte

MensagemEnviada: Qua Nov 03, 2010 11:35 am    Assunto: Responder com Citação

Brother é o seguinte:
Não sei se já leu, mas dá uma verificada neste post meu...

Como Casar Sem Dinheiro e Com Glamour

O resto nós conversamos ao vivo.

Abraço!
_________________
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular MSN Messenger
jebrando
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Quarta-Feira, 15 de Outubro de 2008
Mensagens: 52
Localização: Juiz de Fora / MG

MensagemEnviada: Qui Nov 04, 2010 1:35 pm    Assunto: Responder com Citação

Parabéns Alprado! Eu também optaria pela bicicleta! Ops, peraí, você optou pelo CASAMENTO?!!??! #MEODEOSDOCEO!!! Twisted Evil

Hehehehe... brincadeiras à parte, eu me casei há 6 meses e posso te dizer que foi a melhor péssima escolha que eu já fiz em minha vida! Razz

Quanto às finanças, nós adotamos a técnica do "aporte mensal proporcional".

Entendemos que a instituição "Casamento" é como uma empresa, com seus gastos, investimentos e lucros. E nós, casal, somos os sócios neste empreendimento. Além de alimentá-lo com amor, carinho e todos aqueles blá-blás não cabíveis a este fórum, nós concordamos em compartilhar 60% da nossa renda individual em prol desta "conta conjunta".

Desta forma, a "conta casamento" é responsável por arcar com todos os custos inerentes ao conjunto, tipo contas mensais, despesas de manutenção e supermercado e despesas gerais inexperadas (que são muitas até que você se acostume!!!). É também responsável por administrar seus investimentos próprios para aquisições futuras, colchão de segurança e capital de giro.

Nós dois, enquanto seres individuais, nos reservamos no direito de manter 40% de nossa renda para nosso bel-prazer ou, melhor dizendo, para os consumos e investimentos particulares, como o próprio colchão individual, investimentos em futuro, educação e presentes (prá mim e prá ela, e vice-versa). Cabe aqui também aquela "graça" que você queira fazer para sua vida a 2, como por exemplo comprar um PS3 alegando que "é pros 2, amor!". Agora, se for de comum acordo, entra no parágrafo abaixo:

Quando precisamos adquirir algo que não estava previsto ou mesmo algo que tínhamos interesse e surge uma oportunidade, conversamos e discutimos qual o percentual de cada um dos 3 elementos irá ajudar na aquisição. Isso aconteceu recentemente quando tivemos que secar nosso colchão de segurança e ainda injetar mais capital para nos reparar dos danos causados por um "pocket incêndio" no apartamento. Vide: http://joaobrando.com/blog/index.php/2010/09/02/colchao-de-seguranca-da-teoria-a-pratica/

Nós optamos por conversar em pontos percentuais pois temos rendas bem diferenciadas. Hoje eu ganho mais do que ela mas, em pouco tempo ela virará o jogo, já que eu trabalho com T.I., e ela com Saúde! Rolling Eyes

De qualquer forma, mantendo a conversa em "percentuais", e não em "reais", nós nunca discutiremos se um ou outro forneceu mais ou menos recursos para a "sociedade", pois o esforço percentual foi o mesmo para ambos, entende?

Sobre o evento casamento, as variáveis são infinitas. O que eu posso te dizer é: independente da sua escolha, seja ela "Igreja->Casa", recepção com pernil e farofa ou caviar e salmão, APROVEITE, MUITO! Pois, meu amigo, PASSA MUITO RÁPIDO!

Abçs e boa sorte!
_________________
===============
João Brando
http://joaobrando.com
===============
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
alprado
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 26 de Fevereiro de 2007
Mensagens: 994
Localização: Belo Horizonte / MG

MensagemEnviada: Seg Jan 24, 2011 3:48 pm    Assunto: Responder com Citação

Senhores, obrigado por postar!

Meio sumido, pela correria, mas isto não pode ficar para trás! hehe.


Estamos mantendo a ideia de uma conta conjunta, com depósitos em uma proporção mínima. Ou seja, um deposita "X" e outro deposita "Y vezes X" no mínimo. Se tiver mais e quiser colaborar, ótimo.


A ideia é mantermos esta conta até que surjam os primeiros gastos do casamento e vamos pagando. Vamos colocar o possível nesta proporção e fazer a festa com o que der, sendo que eu ainda tenho um "fundo de reserva" que nao era pra isto, mas conforme for, pode ser acionado pra ajudar a chegar em algum nível, caso necessário.


As dívidas do casamento estão meio paradas, porque estamos aguardando agenda da Igreja para confirmar a data (e aí sim, ficarmos doidos).


Surgiu outra dúvida, muito relacionada agora, que é justamente como administrar os recursos dos dois DEPOIS do casamento?
- Os pais dela colocavam tudo numa conta só e a mãe administrava estes recursos fazendo os pagamentos e investimentos, em comum acordo;
- O meus pais sempre tiveram contas em separado e com obrigações distribuídas proporcionalmente, como ganhavam parecido, era quase um "meio a meio", só que um nao preocupava com a conta do outro.


Nossa realidade é um pouco diferente, temos o benefício de um pouco mais de instrução (cognitiva e financeira), nossos ganhos não são proporcionais (estou um pouco à frente nisto, hoje - mas ela vem correndo bem atrás - felizmente! Smile hehe).


E vocês, casados e afins, como fazem?


Abraços e obrigado!!
_________________
ALPRADO
Belo Horizonte - MG
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
gabriel_antunes
Nível 2

Nível 2<br>




Registrado em: Quinta-Feira, 9 de Dezembro de 2010
Mensagens: 240
Localização: em algum lugar do Rio Grande do Sul

MensagemEnviada: Seg Jan 24, 2011 5:08 pm    Assunto: Responder com Citação

Citação:
E vocês, casados e afins, como fazem?


Olá Alprado,

Por enquanto fazemos assim: minha renda corresponde a 69% da renda da família, e a minha esposa contribui com 31%. Fiz uma média anual de todas as nossas contas e fizemos o rateio conforme a porcentagem: eu fico responsável por 69% do valor das contas, e ela 31%.

Como ela não gosta de controlar as contas, quando ela recebe, ela me repassa o valor correspondente, e eu pago todas as contas. Não temos contas conjuntas.

Eu acho essa forma bastante justa para um casal. Very Happy

Abraço!
_________________
Gabriel Antunes
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
jebrando
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Quarta-Feira, 15 de Outubro de 2008
Mensagens: 52
Localização: Juiz de Fora / MG

MensagemEnviada: Ter Jan 25, 2011 7:05 am    Assunto: Responder com Citação

Aqui em casa temos 3 contas: a minha, a dela e a do casamento (conta conjunta). Todo mês depositamos nossos 60% de renda individual nesta conta e é a partir dela que as faturas do casamento são pagas. Esta conta também reserva os investimentos do casamento.

Eu administro as minhas finanças e as finanças do casamento. Mesmo não gostando de lidar com números, ela administra a conta dela individualmente.
_________________
===============
João Brando
http://joaobrando.com
===============
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
alprado
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 26 de Fevereiro de 2007
Mensagens: 994
Localização: Belo Horizonte / MG

MensagemEnviada: Ter Jan 25, 2011 9:32 pm    Assunto: Responder com Citação

gabriel_antunes escreveu:
Citação:
E vocês, casados e afins, como fazem?


Olá Alprado,

Por enquanto fazemos assim: minha renda corresponde a 69% da renda da família, e a minha esposa contribui com 31%. Fiz uma média anual de todas as nossas contas e fizemos o rateio conforme a porcentagem: eu fico responsável por 69% do valor das contas, e ela 31%.

Como ela não gosta de controlar as contas, quando ela recebe, ela me repassa o valor correspondente, e eu pago todas as contas. Não temos contas conjuntas.

Eu acho essa forma bastante justa para um casal. Very Happy

Abraço!



Olá gabriel_antunes

Entendi... mas eu, particularmente, acho complicado de manter esta sua análise, porque se as contas variarem ou se o salário variar, da um trabalho revisar as proporções novamente...

Mas beleza, é uma... deixar ver mais opções aqui... valeu, obrigado!
_________________
ALPRADO
Belo Horizonte - MG
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
alprado
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 26 de Fevereiro de 2007
Mensagens: 994
Localização: Belo Horizonte / MG

MensagemEnviada: Ter Jan 25, 2011 9:35 pm    Assunto: Responder com Citação

jebrando escreveu:
Aqui em casa temos 3 contas: a minha, a dela e a do casamento (conta conjunta). Todo mês depositamos nossos 60% de renda individual nesta conta e é a partir dela que as faturas do casamento são pagas. Esta conta também reserva os investimentos do casamento.

Eu administro as minhas finanças e as finanças do casamento. Mesmo não gostando de lidar com números, ela administra a conta dela individualmente.



jebrando, tudo beleza?

Legal... esta tua tese coincide com o que eu tinha em mente...
E funciona bem?

Quando propus isto pra minha digníssima, ela me perguntou: "mas o que você ou eu vamos fazer com este 40% da nossa conta? que conta é nossa que nao é 'nossa' (no sentido de ser do casamento)?"

Como vocês utilizam estes seus 40%?

Obrigado
_________________
ALPRADO
Belo Horizonte - MG
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
jebrando
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Quarta-Feira, 15 de Outubro de 2008
Mensagens: 52
Localização: Juiz de Fora / MG

MensagemEnviada: Qua Jan 26, 2011 7:51 am    Assunto: Responder com Citação

alprado escreveu:


Como vocês utilizam estes seus 40%?

Obrigado


No início do projeto, quando decidimos casar, a soma das nossas rendas subtraída pelas nossas contas a pagar individuais eram 100% destinadas à viabilização do casamento (cerimônia, festa, viagem, móveis, enfim, tudo...).

Com o casamento consumado, decidimos que essa margem de 40% seria destinada para as contas individuais de cada um... Todos precisamos de alguma grana para as necessidades próprias, para poder gastar ou investir sem ter que dar satisfação ao próximo. É desses 40% que bancamos nossas necessidades pessoais, como vestuário próprio, presentes para terceiros (e para nós também), no meu caso o MBA, consumos de restaurantes e festas, enfim, tudo o que consumimos e que não tem a ver com o casamento em si, entende? É como se o nosso salário fosse de apenas 40% da nossa renda efetiva.

Tem pessoas que me dizem que 100% deveriam ser focados ao casamento, aos investimentos relacionados a ele, pois o "sacrifício" vale a pena. Eu e minha esposa chegamos à conclusão de que não é necessário "sacrifício" para conquistar nossos ideiais. Podemos chegar lá, talvez um pouquinho mais devagar, mas com um prazer danado e uma enorme qualidade de vida, entende?

PS: A idéia é que cada um dos três elementos tenham sua própria carteira de investimentos e colchão de segurança. Mas ultimamente, com os 40% e os compromissos pessoais assumidos antes do casamento, não tá dando prá fazer isso... Só o Casamento é quem tá "bem na fita" por aqui! ehehehehe
_________________
===============
João Brando
http://joaobrando.com
===============
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
bbolanho
Nível 3

Nível 3<br>




Registrado em: Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010
Mensagens: 289

MensagemEnviada: Qua Jan 26, 2011 11:23 am    Assunto: Responder com Citação

Mas e quando sua namorada é formada em Fonoaudiologia e odeia matemática? hahahaha

Acho que quando eu me casar cuidarei das finanças da casa e deixarei um % todo mês para ela gastar com as coisas dela.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
jebrando
Nível 1

Nível 1<br>




Registrado em: Quarta-Feira, 15 de Outubro de 2008
Mensagens: 52
Localização: Juiz de Fora / MG

MensagemEnviada: Qua Jan 26, 2011 11:45 am    Assunto: Responder com Citação

Que coincidência!!!

Minha esposa é fonoaudióloga e detesta finanças!!! eheheheh

Mas eu insisti em ensiná-la a utilizar o MSMoney para, pelo menos, dar conta das contas dela. Se ela anotava "no carderninho", não faz muita diferença, certo? Logo nos primeiros meses ela começou a entender o sentido real de controlar e hoje ela baseia todas as decisões de compra dela (tá bom, QUASE todas) nos gráficos de evolução de saldo. Coisa simples e direta, sem muita análise.

As minhas contas e as do casamento, eu mesmo administro. Mas o basicão dela, ela dá conta numa boa!

Dica: "Casais Inteligentes Enriquecem Juntos - Gustavo Cerbasi" é um presente e tanto, mesmo que ela não goste muito de ler (como é o caso da minha esposa). Vez por outra ela me vem com um questionamento e eu percebo que ela leu, nem que sejam algumas folhas do livro, sacou?

Abçs e boa sorte!
_________________
===============
João Brando
http://joaobrando.com
===============
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
alprado
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Segunda-Feira, 26 de Fevereiro de 2007
Mensagens: 994
Localização: Belo Horizonte / MG

MensagemEnviada: Qua Jan 26, 2011 11:46 am    Assunto: Responder com Citação

bbolanho escreveu:
Mas e quando sua namorada é formada em Fonoaudiologia e odeia matemática? hahahaha

Acho que quando eu me casar cuidarei das finanças da casa e deixarei um % todo mês para ela gastar com as coisas dela.


É mais ou menos o que o joão falou que faz... acho que é isto mesmo.

Eu ainda estava com dúvidas sobre os "40%" que ele fala (no caso deles), mas realmente, tem que exisitr um dinheiro "do indivíduo" (ele e ela), ja pensou que saco ficar perguntando pra mulher pq ela gastou 180 reais no salão? Ou ela te perguntar que 50 reais são estes da "petisco e cia"? Não rola...

Apenas acho que a proporção é que deve ser maior (no nosso caso, pelo menos), até porque nao temos muito destes itens individuais...

Mas acho que é o caminho... alguma outra sugestão, pessoal?
_________________
ALPRADO
Belo Horizonte - MG
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
bbolanho
Nível 3

Nível 3<br>




Registrado em: Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010
Mensagens: 289

MensagemEnviada: Qua Jan 26, 2011 12:14 pm    Assunto: Responder com Citação

jebrando escreveu:
Que coincidência!!!

Minha esposa é fonoaudióloga e detesta finanças!!! eheheheh

Mas eu insisti em ensiná-la a utilizar o MSMoney para, pelo menos, dar conta das contas dela. Se ela anotava "no carderninho", não faz muita diferença, certo? Logo nos primeiros meses ela começou a entender o sentido real de controlar e hoje ela baseia todas as decisões de compra dela (tá bom, QUASE todas) nos gráficos de evolução de saldo. Coisa simples e direta, sem muita análise.

As minhas contas e as do casamento, eu mesmo administro. Mas o basicão dela, ela dá conta numa boa!

Dica: "Casais Inteligentes Enriquecem Juntos - Gustavo Cerbasi" é um presente e tanto, mesmo que ela não goste muito de ler (como é o caso da minha esposa). Vez por outra ela me vem com um questionamento e eu percebo que ela leu, nem que sejam algumas folhas do livro, sacou?

Abçs e boa sorte!



Aos poucos vou ensinando minha namorada sobre educação financeira e ela sempre concorda com tudo.

Minha estratégia é ensinar ela em cima do erro dos outros, uso erro do meu pai, meu sogro, tios,tias e conhecidos como exemplo.

Agora a meta é ela começar a controlar seus gastos no Excell.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
sbcverto
Nível 2

Nível 2<br>



Registrado em: Sexta-Feira, 21 de Janeiro de 2011
Mensagens: 195

MensagemEnviada: Qua Jan 26, 2011 1:13 pm    Assunto: Responder com Citação

Me parece uma boa ideia essa da conta conjunta pras despesas do casamento (festa e manutencao depois do casal) e o aporte individual.

Mas como virei cortador de despesas ferrenho (nao no sentido de me privar das coisas, mas sim, de pagar taxas, tarifas, etc), fico pensando nas tarifas de banco, anuidades de cartao de credito de cada um, transferencias, etc...
_________________
Monte sua rede sem fio em casa
www.redesemfiocaseira.com.br
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Educação Financeira / Economia Doméstica Todos os horários são GMT - 2 Hours
Ir à página 1, 2  Próximo
Página 1 de 2

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibído.
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído.
Excluir Mensagens: Proibído.
Votar em Enquetes: Proibído.








Junte-se a nós e cresça financeiramente. Eduque-se Financeiramente !!


Powered by phpBB © 2001, 2002 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB
Header design *Ícaro Pablo*