Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum

 www.ClubedoPaiRico.com.brBlog - www.ClubedoPaiRico.com.br   FAQFAQ   PesquisarPesquisar   MembrosMembros   GruposGrupos   RegistrarRegistrar   PerfilPerfil   Entrar e ver Mensagens ParticularesEntrar e ver Mensagens Particulares   EntrarEntrar 

Sugestão de artigos que devem ser lidos no site do Clube:

- Como o Zé ganha na Bolsa ?
- Iniciando seus investimentos
- Por que o problema é dos mais ricos ?
- Você está preparado para a velhice ?
- O texto definitivo: Saiba como ganhar MUITO dinheiro na bolsa !
- Fez errado … ? Então pague o preço !!
- O Controle do Fluxo de Caixa e suas barreiras
- Você está no vermelho ? O que tem feito para mudar isto ?
- Formando o seu colchão de segurança



Além disso, indico duas séries especiais:

- Iniciando seus Investimentos: a série
- O que o Zé faz para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores ? (Índice)


Industria, loucura?
Ir à página Anterior  1, 2, 3  Próximo
 
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Empreendedorismo
Exibir mensagem anterior :: Exibir próxima mensagem  
Autor Mensagem
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Sáb Jun 09, 2012 4:25 pm    Assunto: Responder com Citação

Citação:
E os planos para a industria, como vao?


Retornei a ideia, mas agora estou com um foco mais direcionado.
Pos bem após experiência com injetoras na empresa que faço estágio e em materias da faculdade. Acho que posso entrar nesse ramo.

Tenho um amigo que tem um sítio em Itaborai-RJ próximo a estradas.
Vamos atrás de 1 injetora usada e molde. Começar a produção e vender.

O produto pensamos em fazer a nova tomada 3pinos, mas teriamos que seguir uma série de normas e isso pode complicar.

Pretendo produzir utensilios doméstico ou embalagens. Embalagens tenho medo de ser complicado da mesma maneira pôs teria que ter contratos com terceiros para fornecer isso e denovo sofrer uma série de exigências. Então fazer peças mais simples ainda continua no foco.

Ainda estou vendo a injetora a ser comprada e lógico terei de comprar um molde usado para baratear custos. Então ficarei meio refém do que encontrar no mercado. Vou tentar usar o FINAME. E tenho que ver a parte da abertura da empresa (minha vontade era começar meio clandestino mesmo).

Meu maior problemas é com as vendas. Como vender?? Ligar para seus mercado alvo ou exister escritorios de vendas especializados que poderiam me auxiliar melhor nisso.

Visto que a produção pode chegar a 20mil peças/mês como dar vazão a isso tudo e garantir o lucro??
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Zé da Silva
Proprietário do Site

Proprietário do Site<br>





Registrado em: Quinta-Feira, 17 de Novembro de 2005
Mensagens: 9215
Localização: Florianópolis - SC

MensagemEnviada: Dom Jun 10, 2012 1:11 pm    Assunto: Responder com Citação

Legal Daniel !!! Smile

Mas ... prepare-se, pois são muitas e muitas normas mesmo. Ensaios e coisas do tipo também fazem parte deste "universo".

Será que não seria melhor partir para peças puramente plásticas ?
_________________
www.ClubedoPaiRico.com.br
Educação Financeira
---
Pai Rico Pai Pobre, o livro que me motivou a criar o Clube !
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar Email Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Dom Jun 10, 2012 2:18 pm    Assunto: Responder com Citação

Sim, quero entrar no mais fácil possivel.
Ainda vou ficar refém do que encontrar no mercado de usados, esse maquinário novo é muito caro.

Embalagens eu sei que é o MAIOR MERCADO, mas não vejo ainda atendendo uma série de normas do cliente.
Eu se tivesse um produto e comprasse embalagem para ele, não trocaria de fornecedor tão fácil e ainda mais para um fabricante pequeno.

Gostei desse aqui: http://cidadesaopaulo.olx.com.br/molde-plastico-mexedor-de-cafe-iid-389965617

Mexedor de café Very Happy
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Zé da Silva
Proprietário do Site

Proprietário do Site<br>





Registrado em: Quinta-Feira, 17 de Novembro de 2005
Mensagens: 9215
Localização: Florianópolis - SC

MensagemEnviada: Seg Jun 11, 2012 8:19 am    Assunto: Responder com Citação

A demanda para este produto é bemmm alta, neh ? Very Happy
_________________
www.ClubedoPaiRico.com.br
Educação Financeira
---
Pai Rico Pai Pobre, o livro que me motivou a criar o Clube !
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Enviar Email Visitar a homepage do Usuário MSN Messenger
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Ter Jun 12, 2012 12:38 am    Assunto: Responder com Citação

Tomara. Mas esse mexedor precisaria de uma embalagem e já complica mais o negócio.

Alguém tem sugestão de produto que seja simples, seja vendido sem embalagem e tenha bastante mercado?

Pensei em balde ou vaso. Mas ai dependendo do tamanho do produto precisaria de uma máquina maior. Muitos fatores Very Happy

Tem também mangueira, e ai mudaria para uma extrusora (extrusoras são mais baratas)

Uma dificuldade é que a maioria do maquinário usado fica em São Paulo. Está difícil achar algo no RJ.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
general
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Quinta-Feira, 20 de Janeiro de 2011
Mensagens: 688

MensagemEnviada: Ter Jun 12, 2012 12:45 am    Assunto: Responder com Citação

Daniel minhas dicas são: Lixeiras para recicláveis e banquinhos de plástico. Prestei serviços em uma empresa de grande porte do ramo de plástico no estado de SP e esses produtos vendem muito porque são baratos, tem demanda e estão na moda (lixeiras recicláveis) Smile e os bancos todo estabelecimento simples compra de monte e com essas pessoas que conseguirá os primeiros contatos.

Boa sorte na empreitada!
_________________
Invista em você!

http://generalinvestidor.com.br/
Site de investimentos e carteira pessoal!

Ações, Fundos Imobiliários e Tesouro Direto, voltado para investidores experientes.!
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Ter Jun 12, 2012 2:08 pm    Assunto: Responder com Citação

General poderia me mostrar uma foto do banco de plástico? Estou visualizando aqueles de bar, é isso? É uma peça bem grande e com muitas sinuosidades, a lixeira támbem( diversificação de cores). Não sei se enquadraria nós produtos de fácil produção.

A empresa que trabalho está vendendo umas injetoras.
Engel ES750/125HL Ano: 90 e alguma coisa Preço: 15mil
Semeraro 260/65 Ainda não tenho os dados, mas sei que é mais velha e barata.

Mesmo não tendo planejado muito, estou com uma vontade de comprar a Engel. Está bem abaixo do preço do mercado e eu sei do cuidado que tiveram.
Vou trocar uma ideia forte com o pessoal de lá, vão me ajudar na decisão.

Será que meterei meu pé pelas mãos!?
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
general
Nível 4

Nível 4<br>




Registrado em: Quinta-Feira, 20 de Janeiro de 2011
Mensagens: 688

MensagemEnviada: Ter Jun 12, 2012 11:56 pm    Assunto: Responder com Citação

Daniel é igualzinho esse daqui!



Que pena, as lixeiras vendem bastante principalmente para empresas que agora querem passar imagem de sustentabilidade e preocupação com o meio ambiente.
Olha não sei te responder isso, dei a dica porque já presenciei os fatos mas meu negócio mesmo é sistemas integrados e gestão de projetos rsrs Wink Se não tentar nunca vai saber, disso eu tenho certeza![/url]
_________________
Invista em você!

http://generalinvestidor.com.br/
Site de investimentos e carteira pessoal!

Ações, Fundos Imobiliários e Tesouro Direto, voltado para investidores experientes.!
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular Visitar a homepage do Usuário
RAlves



Registrado em: Quinta-Feira, 3 de Dezembro de 2009
Mensagens: 40

MensagemEnviada: Sex Mai 03, 2013 12:46 pm    Assunto: Responder com Citação

E ai daniel, como anda o projeto da industria?
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Jean Colbert
Nível 3

Nível 3<br>




Registrado em: Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2012
Mensagens: 285

MensagemEnviada: Sex Mai 03, 2013 1:11 pm    Assunto: Responder com Citação

Minha opinião...

Parabéns, você deu o primeiro passo na empreitado, sendo este a vontade de fazer algo. Só não deixe essa vontade se esvair, mesmo em meio às dificuldades que serão apresentadas, e adianto que serão muitas.

Meu comentário será direcionado no sentido de lhe desestimular. Mas não lhe desestimular para você desistir. O desestímulo que providenciarei para você é benéfico, para que você reforce as bases que você pretende construir, e solidifique um arquétipo mais estável possível, visando a estruturação de seu negócio, para que dê certo.

Vamos lá:

1) BNDES

Não imagine que crédito no BNDES é fácil ou farto. Há restrições, e muitas. Digo isso com conhecimento de causa, sei bem como funciona a instituição.
O primeiro enfrentamento será a "estaca zero". Você está caminhando do nada, sem algo para dar "em troca" do empréstimo. O BNDES reluta muito em atender demandas iniciais, eles preferem Mafrig, Friboi, BRFoods...

2) Investimento

Talvez, você deva vender sua idéia (com acento porque eu não adoto a nova regra ortográfica) a um Fundo Equity, o qual poderia comprá-la. De certa forma, ele se tornaria seu sócio, garantindo o capital para a consecução de suas idéias, e concretização destas.

3) Projeto

Para vender sua idéia, você precisará de um projeto de investimento. Hoje, no Brasil, a maior deficiência das empresas é a de elaborar um projeto financeiro/de investimento que seja "analisável" e inteligível. Você deve possuir um bom projeto. Esse será o produto que você venderá. Se não tiver, não conseguirá clientes e sua idéia morrerá.

4) Impostos

Na Alemanha, as indústrias de bens de capital não são tributadas, nem na aquisição da matéria prima. As de bem de consumo são tributadas apenas na aquisição de matéria prima. No Brasil, qualquer indústria é supra tributada, de ponta a ponta, desde o porto até a loja, passando pelos salários, aquisições, investimentos, etc. Prepare-se, o tributo será seu fiel companheiro do nascimento à morte de sua idéia. Inclusive, faça-o constar de seu projeto, isso é essencial para você vender a idéia.

5) Pessoas

Talvez, o maior entrave que você enfrentará será lidar com pessoas. Desde o "chão de fábrica", até seu sócio. Somos seres humanos, submetidos às condições de alteração de temperatura e pressão. Certo dia você acorda de mau humor, o que atrapalhará muito sua relação cotidiana. Você verificará que o seu funcionário não serve para trabalhar, e não saberá como lhe dar com a situação. Seu sócio fará cagadas e mais cagadas, e por isso você poderá colocar a relação de confiança que rege a empresa (afinal, se não a tiver, nem abra empresa) em xeque.

Você verá que está no meio de um emaranhada e pessoas, as quais você gostaria de nem ver na frente. Do fiscal do ICMS que encherá seu saco para levar uma grana à sua secretária que não saberá escrever "exceção". Do governo, que sobre taxa seu negócio, porque ele precisa sobreviver, à ONG que irá pedir patrocínio de uma causa nobre, e mais tarde estará te apunhalando, distribuindo panfletos de que sua empresa é poluidora. Do sindicato que montará piquete na sua porta ao ministério do trabalho que fiscalizará se você aplica as ditas "normas de segurança".

Amigo, essa realidade é a mais dura e a mais fragilizada, porque dela saem as decisões que podem gerar lucro ou perda, fracasso ou vitória. Disse ROusseau que "todo sistema que depender da virtude do ser humano para lograr êxito, está fadado ao fracasso". O ser humano é o cerne, o "core" que delega o caminhar da conquista ou da perda.

Esse será o enfrentamento mais árduo, mais latente, mais pesado. A arma para essa passagem, que durará enquanto durar sua empresa, é a resiliência.

6) Funcionários

Recomendo um bom advogado tributarista e comercial, um bom contador e um bom braço direito. E o braço direito não é seu sócio, é alguém externo, que irá te dar suporte, nos mais aflitivos períodos.

Ser político, é necessário e não é. Não se importe com isso, as coisas nesse sentido acontecerão naturalmente, conforme as "porradas" que você for levando. A vida é um molde, e você se ajusta a ela.

Espero ter contribuído.

Boa sorte!

Estou à disposição!
_________________
Laissez faire, laissez passer. Le monde va de lui-même.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Sex Mai 03, 2013 8:22 pm    Assunto: Responder com Citação

Citação:
RAlves MensagemEnviada: Sex Mai 03, 2013 12:46 pm Assunto:

--------------------------------------------------------------------------------

E ai daniel, como anda o projeto da industria?


Isso é um projeto de vida. Por enquanto estou focado no meu ultimo ano de graduação. Pretendo já em 2014 iniciar trabalhando embarcado o que vai me gerar um bom capital mensalmente.
Esse dinheiro junto com o que possuo no momento Carro + Reserva, acredito que no inicio de 2015 já tenha ai o capital para iniciar uma indústria de pequeno porte.
De preferencia se tiver bens como imóvel ou carro usa-los como garantia em empréstimo, o que me dará um equilíbrio entre consumir X empreender (acho importante, ficar apenas juntando dinheiro não é benéfico).
Talves 2015 ainda seja muito cedo. Tudo isso depende de como o avanço dos estudos estiverem ocorrendo. Pretendo, embarcado utilizar o meu tempo em terra para viajar, visitar e estudar (tanto culturalmente como tecnicamente).
Acredito que dizer realmente o que eu vou produzir agora seria mentir. Acredito que nesse caminho aparecera algo, um ramo, uma deficiência a ser explorada. O setor de transformação de plástico é ainda uma ótima ideia.




Citação:
Jean Colbert MensagemEnviada: Sex Mai 03, 2013 1:11 pm Assunto:

--------------------------------------------------------------------------------

Minha opinião...

Parabéns, você deu o primeiro passo na empreitado, sendo este a vontade de fazer algo. Só não deixe essa vontade se esvair, mesmo em meio às dificuldades que serão apresentadas, e adianto que serão muitas.

Meu comentário será direcionado no sentido de lhe desestimular. Mas não lhe desestimular para você desistir. O desestímulo que providenciarei para você é benéfico, para que você reforce as bases que você pretende construir, e solidifique um arquétipo mais estável possível, visando a estruturação de seu negócio, para que dê certo.

Vamos lá:

1) BNDES

Não imagine que crédito no BNDES é fácil ou farto. Há restrições, e muitas. Digo isso com conhecimento de causa, sei bem como funciona a instituição.
O primeiro enfrentamento será a "estaca zero". Você está caminhando do nada, sem algo para dar "em troca" do empréstimo. O BNDES reluta muito em atender demandas iniciais, eles preferem Mafrig, Friboi, BRFoods...

2) Investimento

Talvez, você deva vender sua idéia (com acento porque eu não adoto a nova regra ortográfica) a um Fundo Equity, o qual poderia comprá-la. De certa forma, ele se tornaria seu sócio, garantindo o capital para a consecução de suas idéias, e concretização destas.

3) Projeto

Para vender sua idéia, você precisará de um projeto de investimento. Hoje, no Brasil, a maior deficiência das empresas é a de elaborar um projeto financeiro/de investimento que seja "analisável" e inteligível. Você deve possuir um bom projeto. Esse será o produto que você venderá. Se não tiver, não conseguirá clientes e sua idéia morrerá.

4) Impostos

Na Alemanha, as indústrias de bens de capital não são tributadas, nem na aquisição da matéria prima. As de bem de consumo são tributadas apenas na aquisição de matéria prima. No Brasil, qualquer indústria é supra tributada, de ponta a ponta, desde o porto até a loja, passando pelos salários, aquisições, investimentos, etc. Prepare-se, o tributo será seu fiel companheiro do nascimento à morte de sua idéia. Inclusive, faça-o constar de seu projeto, isso é essencial para você vender a idéia.

5) Pessoas

Talvez, o maior entrave que você enfrentará será lidar com pessoas. Desde o "chão de fábrica", até seu sócio. Somos seres humanos, submetidos às condições de alteração de temperatura e pressão. Certo dia você acorda de mau humor, o que atrapalhará muito sua relação cotidiana. Você verificará que o seu funcionário não serve para trabalhar, e não saberá como lhe dar com a situação. Seu sócio fará cagadas e mais cagadas, e por isso você poderá colocar a relação de confiança que rege a empresa (afinal, se não a tiver, nem abra empresa) em xeque.

Você verá que está no meio de um emaranhada e pessoas, as quais você gostaria de nem ver na frente. Do fiscal do ICMS que encherá seu saco para levar uma grana à sua secretária que não saberá escrever "exceção". Do governo, que sobre taxa seu negócio, porque ele precisa sobreviver, à ONG que irá pedir patrocínio de uma causa nobre, e mais tarde estará te apunhalando, distribuindo panfletos de que sua empresa é poluidora. Do sindicato que montará piquete na sua porta ao ministério do trabalho que fiscalizará se você aplica as ditas "normas de segurança".

Amigo, essa realidade é a mais dura e a mais fragilizada, porque dela saem as decisões que podem gerar lucro ou perda, fracasso ou vitória. Disse ROusseau que "todo sistema que depender da virtude do ser humano para lograr êxito, está fadado ao fracasso". O ser humano é o cerne, o "core" que delega o caminhar da conquista ou da perda.

Esse será o enfrentamento mais árduo, mais latente, mais pesado. A arma para essa passagem, que durará enquanto durar sua empresa, é a resiliência.

6) Funcionários

Recomendo um bom advogado tributarista e comercial, um bom contador e um bom braço direito. E o braço direito não é seu sócio, é alguém externo, que irá te dar suporte, nos mais aflitivos períodos.

Ser político, é necessário e não é. Não se importe com isso, as coisas nesse sentido acontecerão naturalmente, conforme as "porradas" que você for levando. A vida é um molde, e você se ajusta a ela.

Espero ter contribuído.

Boa sorte!

Estou à disposição!


Obrigado pelo comentário Jean Colbert.
Sei que não vai ser fácil e todo mundo diz que quer e na hora de fazer não faz.
Eu mesmo nesses últimos dois anos iniciei muitas coisas e parei quase todas tbm.

-Venda de roupa nacional pela internet masculina e feminina
-Importação de roupa
-Agencia de viagem
-Site para controle alimentar
-Investimento em poupança, CDB, fundo, ações
-‘’Financeira’’

Dentre esses todos, a venda de roupas era uma excelente negocio, eu realmente me senti administrando um negocio, tinham pessoas me ajudando e eu remunerando até (funcionários), tinham pessoas pedindo (vendas), tinha ferramenta de vendas (marketing), planilhas de custo (financeiro), produtos de qualidade, logística (correios), tomada de decisão. Infelizmento não deu para continuar.
Quanto aos outros, acredito que cada um me deu uma experiência nova, alguns só prejuízo. Praticamente o saldo ficou no zero a zero, possuo o mesmo que antes. Vamos dizer que eu estava brincando e aprendendo.
A única coisa que eu comecei e ainda não terminei foi a financeira. Estou trabalhando da seguinte forma, só com conhecidos (lógico), juros baixo 1,5%(quantia maior)..2%..3%(quantia menor) e eu sempre pergunto aonde vai usar e dou conselhos financeiros para ajudar o meu dinheiro a voltar rs .Assim a pessoa vê que um juros baixo as vezes é saudável. Por exemplo tem um que tinha uma divida com a cooperativa da empresa dele. Juros=2,5%. Trocou a por uma divida comigo de 1,5%. Sim é baixa a rentabilidade, risco alto. Mas se tudo der certinho é um retorno excelente e trabalho zero. Outro exemplo em época de IPVA, a pessoa para pagar a vista e ter o desconto, pega comigo e ganha essa diferença entre desconto e juros. Pessoa que for um descuido entrou no cheque especial e se viu tendo que esperar o dinheiro entrar no próximo mês.
Lógico que vai aparecer gente aqui e dizer que é ilegal. Tecnicamente sim.
Mas eu percebi nisso uma grande demanda. Gente, no Brasil não é fácil, é só se descuidar uma vez com seu dinheiro e vc já se encontra em uma bola de neve sem ter ninguém para pedir socorro.
Estava tentando formular uma maneira de legalizar isso. Talvez uma financeira social, trabalhando com confiança, instrução e cooperativismo. Mas no fim as coisas podem acabar se voltando para uma pirâmide hahaha é isso é ainda mais ilegal.
Será que vou ser banqueiro ou industrial? Very Happy
[/quote]
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Sex Mai 03, 2013 8:34 pm    Assunto: Responder com Citação

Alias o que tem pro fds.

http://www.itaubba.com.br/arquivos/portugues/pdf/prospectos/Oferta%20de%20A%C3%A7%C3%B5es%20da%20OGX%20Petr%C3%B3leo%20e%20G%C3%A1s%20Participa%C3%A7%C3%B5es%20S.A.%20-%20Prospecto%20Definitivo.pdf

Por se tratar de uma empresa pré-operacional no seu lançamento da bolsa esse documento contem muita informação que pode te ajudar em um futuro plano de negócios e de investimento. Também servindo de constrante com a realidade.
De qualquer maneira estou comprado e confiante hehe. Apenas querendo mais informações.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
southjp
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Terça-Feira, 20 de Novembro de 2007
Mensagens: 371

MensagemEnviada: Sáb Mai 04, 2013 9:20 pm    Assunto: Responder com Citação

Quer produzir um negócio super fácil e com demanda garantida?

Sabe aqueles trecos de plástico que vao no meio da piza para impedir que o recheio grude na tampa. O problema é que tem que ter uma injetora nova, para conseguir porduzir a preço de banana.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
daniel_gondao
Nível 3

Nível 3<br>



Registrado em: Segunda-Feira, 18 de Outubro de 2010
Mensagens: 296

MensagemEnviada: Sáb Mai 04, 2013 10:47 pm    Assunto: Responder com Citação

Relendo o tópico novamente.
Primeiramente: vi vários erros de português que eu escrevi hahaha acontece que além de não ser muito bom no português atrelado a pressa de escrever e a não releitura do post dá nisso.

''Segundamente'' : Relembrei o cenario que eu estava com a venda de injetoras na empresa que trabalhava.
Citação:
daniel_gondao MensagemEnviada: Ter Jun 12, 2012 2:08 pm Assunto:

--------------------------------------------------------------------------------

General poderia me mostrar uma foto do banco de plástico? Estou visualizando aqueles de bar, é isso? É uma peça bem grande e com muitas sinuosidades, a lixeira támbem( diversificação de cores). Não sei se enquadraria nós produtos de fácil produção.

A empresa que trabalho está vendendo umas injetoras.
Engel ES750/125HL Ano: 90 e alguma coisa Preço: 15mil
Semeraro 260/65 Ainda não tenho os dados, mas sei que é mais velha e barata.

Mesmo não tendo planejado muito, estou com uma vontade de comprar a Engel. Está bem abaixo do preço do mercado e eu sei do cuidado que tiveram.
Vou trocar uma ideia forte com o pessoal de lá, vão me ajudar na decisão.

Será que meterei meu pé pelas mãos!?


Acontece que em uma investigação maior descobri que existiam alguns problemas no canhão da maquina e a venda seria por proposta feita no escuro aonde aqueles valores seriam o mínimo. Quando fui ver os periféricos da injetora me encontrei em ums situação que teria que comprar mais coisa velha e de valor considerável. Atrelado a minha não capacidade técnica de fazer aquela injetora produzir. Achei muito arriscado, para o dinheiro que tinha em mão.
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
wardys




Registrado em: Domingo, 24 de Junho de 2012
Mensagens: 20
Localização: Beautiful Horizon, General Mines

MensagemEnviada: Dom Mai 05, 2013 12:05 am    Assunto: Responder com Citação

Daniel,

Onde moras?

Devido a diversas circunstâncias estou me preparando para assumir a antiga fábrica (4 injetoras) novamente, e estou à procura de algum empreendedor interessado em entrar comigo no negócio.

Se você tiver interesse em trocar uma idéia.

Sou de Belo Horizonte/MG
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Usuários Enviar Mensagem Particular
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder Mensagem    Clube do Pai Rico - Fórum - Índice do Fórum -> Empreendedorismo Todos os horários são GMT - 2 Hours
Ir à página Anterior  1, 2, 3  Próximo
Página 2 de 3

 
Ir para:  
Enviar Mensagens Novas: Proibído.
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído.
Excluir Mensagens: Proibído.
Votar em Enquetes: Proibído.








Junte-se a nós e cresça financeiramente. Eduque-se Financeiramente !!


Powered by phpBB © 2001, 2002 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB
Header design *Ícaro Pablo*