Home | Anuncie no Clube | Entre em contato

Você quer ficar por dentro de tudo que acontece aqui no Clube ? Quer ser um dos primeiros a saber de nossos sorteios ? Quer ter a comodidade de receber em seu e-mail todos os artigos que são postados aqui no Clube ? Fácil ! :)

Para tanto você só precisa assinar nossa newsletter. Simples, prático e rápido. Está vendo o espaço (formulário) abaixo ? Basta que você escreva seu endereço de e-mail, confirme seu cadastro e pronto ! Receberá diariamente no conforto de seu lar (ou escritório, ou universidade, ou praia, ou campo, ou onde quer que seja, hehehe) tudo o que for publicado aqui no site.

Fique tranquilo, o sistema é feito para que você receba somente nossos textos, seu endereço não será divulgado (muito menos compartilhado) para ninguém. Garantia Clube do Pai Rico de qualidade. ;)

Ah ! E não precisa se preocupar com uma possível “enxurrada” de mensagens em sua caixa de entrada, os posts são agrupados por dia, você receberá somente um e-mail diário. :D

Para os que nada fazem e só ficam “arrotando” …

||| 23/04/2014 - Enviar para o Twitter!

Acredito que o texto publicado pela Miriam Leitão em sua coluna de ontem do jornal O Globo seja um dos melhores para explicar o que criou o “milagre do crescimento” que vimos nos últimos 10 anos. Claro … a turma do sapo barbudo dirá que não, que tudo aconteceu por (in)competência do grupo que está administrando a nação desde 2003.

Mas para quem lê, estuda, e tem a mente um pouco aberta a verdade é mais clara. Leia e me diga se concorda ou não:

Fatos e dados

O ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli tem defendido não só a compra da refinaria de Pasadena mas exaltado sua gestão à frente da empresa. Mostra a evolução do valor de mercado da companhia, deixando a entender que o mérito foi todo seu. Os fatos e dados: as petrolíferas subiram no mundo inteiro nos anos 2000, puxadas pela alta do barril. Difícil é justificar a queda da Petrobras.

Durante os anos 90, a cotação do barril de petróleo se manteve baixa e as petrolíferas ficaram desvalorizadas. O preço médio do WTI no ano de 1990 foi de US$ 24,5. Em 1999, valia menos: US$ 19,1. Até 2002, continuou com cotação baixa, de US$ 26,1. Houve então a disparada nos preços, que atingiu o pico em 2008, pouco antes do estouro da crise internacional: US$ 31 (2004); US$ 41,4 (2005); US$ 56,4 (2005); US$ 66 (2006); US$ 72,2 (2007); US$ 99,5 (2008). O valor de mercado de todas as empresas subiu junto.

O aumento da cotação entre 2003 e 2008 aconteceu porque a China cresceu puxando o preço de todas as matérias-primas, como petróleo, minério de ferro, cobre, grãos. Além disso, a bolha financeira nos Estados Unidos e na Europa estimulava a compra de papéis ligados ao setor de commodities.

A Petrobras deu um salto. De acordo com o ranking internacional da Forbes, a cotação da empresa, que estava na casa de US$ 3 em 2002, chegou a US$ 62 em 2008. O mesmíssimo aconteceu com outras grandes do setor. A inglesa BP saltou de US$ 27 para US$ 55. A francesa Total subiu de US$ 19 para US$ 56. A americana Chevron foi de US$ 29 para US$ 81, apenas para citar três exemplos.

Ótimo a Petrobras ter acompanhado o movimento das grandes, mas Gabrielli conta como se tivesse encontrado a empresa quebrada e a salvado. Explica a queda como resultado da crise externa, mas não diz que a petrolífera, agora, está no sentido contrário ao seu setor. A ação da Petrobras cai há cinco anos, mesmo com um novo aumento dos preços do barril.

Com o estouro da crise americana, todas as petrolíferas tiveram quedas, assim como o barril de petróleo. Passado o pior momento, no entanto, a recuperação foi generalizada. Menos da Petrobras.

O preço médio do barril WTI caiu de US$ 99,5, em 2008, para US$ 61,6 em 2009. Voltou a US$ 97,9 em 2013. O movimento das empresas foi o mesmo. A BP teve queda de US$ 55 para US$ 31, entre 2008 e 2009, mas voltou para US$ 48 este ano. A Total tem o preço de ação hoje mais alto do que no auge de 2008: US$ 63. A Chevron também: a ação vale US$ 124. Muito acima do pico de 2008.

As ações da Petrobras despencaram nos últimos anos e estão na casa de US$ 14, longe do pico de US$ 62 de 2008. Ou seja, a empresa se descolou das demais porque o mercado passou a reagir às intervenções do governo, principalmente na política de preços.

Gabrielli, em entrevista ao “Estado de S. Paulo”, também afirmou que a empresa conseguiu a autossuficiência durante sua gestão. Faltou explicar em quê. É público que o Brasil é grande importador de petróleo, gás, gasolina, diesel, querosene de aviação. O déficit na conta de petróleo e derivados foi de US$ 27 bilhões em 2013. Entre janeiro e fevereiro deste ano, mais US$ 5 bi.

O endividamento líquido aumentou 50% no ano passado e chegou a R$ 221 bilhões, o que já equivale a 3,5 vezes da geração de caixa da empresa, medida pelo Ebtida. Cerca de 64% das dívidas estão em dólar, o que deixa a Petrobras exposta à desvalorização cambial. Há prejuízos com a importação e venda de derivados, obrigatoriedade de compra de conteúdo nacional. Orçamentos cresceram em sua gestão, como o da refinaria Abreu e Lima.

Não há campanha contra a empresa, como ele sustenta. Nem ele foi o salvador da Petrobras. Os fatos mostram que num primeiro momento a companhia surfou na onda do mundo. Isso, aliado às descobertas de novas reservas — que resultaram de pesquisas feitas ao longo dos anos —, valorizou a empresa. Depois “a maior capitalização da história do mundo” derrubou as ações. E houve ainda intervenções na gestão, negócios danosos e coisas piores, como as que estão sendo descobertas nas investigações da Polícia Federal e que levaram à prisão do ex-todo-poderoso Paulo Roberto Costa, ex-diretor da área de Refino e Abastecimento na gestão do próprio Gabrielli. Esses são os fatos e os dados. O resto é tentativa de Gabrielli de, mais uma vez, usar a empresa em campanha política.

Dizer que fez “maravilhas” quando tudo vai a seu favor é muito simples … Basta termos uma “marolinha” para ver que o negócio não era “tão bom” assim.


Aluguel de ações

||| 23/04/2014 - Enviar para o Twitter!

O estudo acompanhará o desempenho da Vale5 e da Petr4 – carros chefe do Ibovespa. Esta informação poderá ser usada tanto por quem opera na ponta de compra quanto para quem opera na ponta de venda … ;)

Este é um dado que acompanho diariamente, serve para que eu veja o “peso” extra que existe sobre estas ações. Normalmente – veja bem, normalmente … – um aumento na posição alugada pode significar um movimento de queda no papel. E o contrário também é verdadeiro, uma cobertura pode significar um movimento de alta.

Vamos lá !

Comentário: Que bom que eu errei. :)

Mas … vocês perceberam que até o momento limite para o exercício, 13h, a PETR4 ficou rondando o strike da D17 (R$16,16) ? Acredito que tenha havido uma boa quantidade de opções sendo exercidas, e foi isso que causou o repique no meio da tarde … mas vai saber, essa foi a impressão que tive. ;)

Nada mudou e permanecemos com aquele trade maroto de alta, a perda dos R$15,70 e dos R$15,40 na PETR4 e dos 51.000 e dos 50.000 no índice ainda não ocorreu (tirando a violinada da semana passada …). Portanto … até lá, é só correção normal e saudável.

A parte boa é que “estamos livres” da pressão do exercício de opções por ao menos alguns dias/semanas. E isso pode trazer uma certa liberdade ao papel, a não ser, é claro, que surja uma nova pesquisa eleitoral nos próximos dias …

A série D entrou para a história, na PETR4 eles conseguiram reviver muitas opções … D13, D14, D15, D16 e D17. Cinco !!! Num papel onde R$1 é quase 10% da cotação, isso é muita coisa. Tivemos quase 40% de alta em menos de um mês, e isso não é nada habitual …

Vejamos o que a série E nos reserva. :D


Capital Externo na Bolsa

||| 23/04/2014 - Enviar para o Twitter!

Dia 16 de abril de 2014:
Entrada de R$ 289,466 milhões

Acumulado do mês de abril de 2014 (até o dia 16):
+ R$ 1,911 bilhão

No ano de 2014, o saldo está positivo em de R$ 5,289 bilhões.

(Fonte: Broadcast)


Aluguel de ações

||| 22/04/2014 - Enviar para o Twitter!

O estudo acompanhará o desempenho da Vale5 e da Petr4 – carros chefe do Ibovespa. Esta informação poderá ser usada tanto por quem opera na ponta de compra quanto para quem opera na ponta de venda … ;)

Este é um dado que acompanho diariamente, serve para que eu veja o “peso” extra que existe sobre estas ações. Normalmente – veja bem, normalmente … – um aumento na posição alugada pode significar um movimento de queda no papel. E o contrário também é verdadeiro, uma cobertura pode significar um movimento de alta.

Vamos lá !

Comentário: É … e mais um dia em que tivemos a “surpresa” de um resultado de pesquisa eleitoral. Sim, estou vendido e isso está me deixando p*** da vida. :)

Não lembro de ter visto uma quantidade tão grande de pesquisas com tanto tempo de antecedência para uma eleição. (o intervalo entre elas está bem curto …)

A impressão que passa – teoria da conspiração em ação – é que tem gente encomendando as pesquisas justamente para turbinar o mercado, afinal já viram o “estrago” que elas vem causando às ações das estatais.

Chame como quiser: dor de cotovelo, birra, #MIMIMI … só sei que existem umas 3 ou 4 barras de 4%~5% no gráfico da PETR4 que foram causados única e exclusivamente por isso … o.O

Mudando de assunto, hoje é dia de vencimento de opções (a regra diz que tem que ser a terceira segunda-feira do mês, em caso de feriado vai para o primeiro dia útil seguinte) e depois de uma arrancada pós “boatos de pesquisa” o negócio pode pegar.

A sensação que estou é que hoje pode vir a ser um dia de 5% de alta, especialmente na PETR4. Claro … torço para estar errado, mas a impressão que tenho é essa.

Viram mais um JCP em ação ? Desta vez na VALE5. ;)

Bom, vamos em frente que o dia está apenas começando. :)

Ah ! Não custa nada falar que na Europa estamos com 1% de alta generalizado … mas tudo bem. ;)


Capital Externo na Bolsa

||| 22/04/2014 - Enviar para o Twitter!

Dia 15 de abril de 2014:
Saída de R$ 588,467 milhões

Acumulado do mês de abril de 2014 (até o dia 15):
+ R$ 1,622 bilhão

No ano de 2014, o saldo está positivo em de R$ 5,000 bilhões.

(Fonte: Broadcast)


Bolsa divulga a 2ª prévia do índice bovespa

||| 17/04/2014 - Enviar para o Twitter!

Como você já deve saber, o índice bovespa nada mais é do que uma “coletânea de ações de determinadas empresas, cada uma com um determinado peso” e é a variação na cotação destas ações que determina quanto o índice sobe, ou desce, em um certo pregão.

Esta carteira é rebalanceada de tempos em tempos (3 revisões por ano) para que ela possa espelhar de forma mais “natural e justa” o retrato do mercado. São incluídas as ações de maior volume negociado que atendem a determinadas regras impostas pela bolsa.

Até mesmo as regras costumam mudar, como foi visto há alguns meses com uma alteração que impedia que ações que valessem menos de R$1 participassem do índice. A medida foi tomada para evitar que eventos como o da OGX se repita. (a meu ver isso não é o que impede que isso volte a se repetir, mas sim uma bolsa mais clara e transparente que impeça que empresas “tocadas” da forma como a OGX vinha sendo “tocada” se criem no mercado …)

Ok, mas qual é o motivo de eu estar falando isso ? Comunicar-lhes as mudanças apresentadas pela 2ª prévia do índice. E parece que foram grandes … Compare as 5 ações de maior peso na formação atual e a formação “temporária” do que vem substitu-i-la:

- Atual

Petrobras PN (8,119%), Vale PNA (7,995%), Itaú Unibanco PN (6,544%), Bradesco PN (5,325%), e Petrobras ON (3,960%).

- A prévia da que passará a vigorar em maio:

Itaú Unibanco PN (9,524%), Bradesco PN (7,593%), Petrobras PN (7,127%), Vale PNA (6,035%), e Ambev S/A ON (5,611%).

Impressionante o aumento da participação dos bancos … Praticamente 50% a mais do que a formação atual ! Enquanto isso a PETR4 perde aproximadamente 15% e a VALE5 25% !! 8O

Mas … o que isso significa para nós, investidores individuais ? Bem, além de ficarmos sabendo quais são as empresas e setores que realmente “comandam” a bolsa, é importante ficarmos de olho na mudança que virá a ocorrer com as ações que fazem parte da nossa carteira.

Por quê ?

Simples, como você também já deve saber, existem diversos fundos de investimento que tentam replicar o índice, eles compram as ações que formam o índice numa proporção que torne suas carteiras o mais parecidas possível com a real formação do índice.

Agora me diga, o que acontece com estas carteiras quando há mudança do índice ? BINGO ! Mudança nas carteiras ! Os bancos e fundos precisam comprar/vender as ações que tiveram seus pesos alterados para que se adequem à nova formação da carteira que forma o índice que elas seguem.

Isso … em teoria, as ações do Itaú e do Bradesco sofrerão um aumento na demanda, mais ofertas de compra, do que o habitual. Enquanto as da Petro e da Vale sentirão um aumento na oferta, mais ofertas de venda, do que de costume. Claro … isso por um breve momento (que obviamente não é divulgado por quem faz este rebalanceamento da carteira dos fundos), podendo ser deixado para os “47′ do segundo tempo” ou sendo feito de forma um pouco mais gradual até a data limite, já acompanhando as prévias divulgadas pela bovespa.

Garanto que muitos dirão que isso não existe … que não acontece … que blá blá blá … e eu digo que estas mesmas pessoas são aquelas que comemoram quando a empresa anuncia uma recompra de suas ações em mercado. Não, elas não comemoram somente por causa da diminuição do free float e do aumento proporcional “da fatia do bolo”, eles comemoram por causa da … pressão extra (no caso de compra) que surgirá no mercado. ;)

É garantido que as ações do Itaú e do Bradesco subirão ? É garantido que as da Vale e da Petro cairão ? Não. Mas que vale a pena acompanhar vale. :)

Para ajudar: (resultado em 2014 no momento em que escrevia o post)

- PETR4 (-1,91%)

- VALE5 (-11,32%)

- ITUB4 (+12,79%)

- BBDC4 (+13,94%)

Será apenas uma coincidência que quem ganhou mais peso esta se valorizando, enquanto quem perder peso está se desvalorizando ? Só o tempo nos dirá. :D


Aluguel de ações

||| 17/04/2014 - Enviar para o Twitter!

O estudo acompanhará o desempenho da Vale5 e da Petr4 – carros chefe do Ibovespa. Esta informação poderá ser usada tanto por quem opera na ponta de compra quanto para quem opera na ponta de venda … ;)

Este é um dado que acompanho diariamente, serve para que eu veja o “peso” extra que existe sobre estas ações. Normalmente – veja bem, normalmente … – um aumento na posição alugada pode significar um movimento de queda no papel. E o contrário também é verdadeiro, uma cobertura pode significar um movimento de alta.

Vamos lá !

Comentário: Mais um ponto no placar para a estatística, não ? ;)

Ok, outros fatores ajudaram na criação da alta, mas vai saber quem ajudou quem … :D

Só que o repique/alta de ontem foi um pouco forte demais, na minha opinião. Fez com que vários ativos voltassem para cima da região de resistência “desconfigurando” alguns padrões de queda que já estavam montados. Tanto aqui quanto lá fora …

Hoje estamos em ritmo de feriado, então não sei se teremos um pregão de dar sono ou algo completamente inesperado. Estão usando o argumento “teremos mais uma divulgação de pesquisa de intenção de voto” para justificar mais uma puxada. Será ?

Os números voltam a ser aqueles … 51.000 no índice e R$15,70 na PETR4. Depois 50.000 e R$15,40 …

Ainda bem que esse exercício (série D) já está acabando. :)


Capital Externo na Bolsa

||| 17/04/2014 - Enviar para o Twitter!

Dia 14 de abril de 2014:
Entrada de R$ 104,044 milhões

Acumulado do mês de abril de 2014 (até o dia 14):
+ R$ 2,211 bilhões

No ano de 2014, o saldo está positivo em de R$ 5,588 bilhões.

(Fonte: Broadcast)


Placar do ano de 2014: Zero livros lidos

||| 16/04/2014 - Enviar para o Twitter!

É … este ano estou me devendo uma bela overdose de leitura. Acredite se quiser, mas o cara que mantinha uma média de 1 livro lido a cada 1 ou 2 semanas não leu nada até o presente momento. (mais de 100 dias !!! 8O …)

É … primeiro foi a cabeça que me impedia de ler, depois foi a operação de correção visual (por causa do astigmatismo restante a leitura ainda tá complicada …), mas a abstinência começa a subir à cabeça e a vontade de ler é cada vez maior.

Mas tudo isso foi falado para perguntar: como pode a média nacional ser de apenas 1 livro lido por ano ?! Como pode ter gente que não se interessa por ler absolutamente nada durante um ano inteiro ? E pior, gente que se diz atrás de conhecimento e informação para melhorar sua situação. (seja profissional ou financeira …)

A quantidade de ideias e “lampejos” que tenho durante e após minhas leituras é tamanha que não consigo abrir mão do ato … Como tem gente que consegue evitar isso a todo custo ?

Alguém passa por situação semelhante ? Ou sou eu que sou doente e ainda não me toquei disso ? :)

Espero poder voltar à ativa em breve, pois a vontade de adquirir conhecimento está quase superando a barreira imposta pela visão … mas ainda consigo contê-la, evitando forçar a barra …

Alguém com uma palavra de conforto para um viciado que não pode ter acesso à sua droga ? :D


Aluguel de ações

||| 16/04/2014 - Enviar para o Twitter!

O estudo acompanhará o desempenho da Vale5 e da Petr4 – carros chefe do Ibovespa. Esta informação poderá ser usada tanto por quem opera na ponta de compra quanto para quem opera na ponta de venda … ;)

Este é um dado que acompanho diariamente, serve para que eu veja o “peso” extra que existe sobre estas ações. Normalmente – veja bem, normalmente … – um aumento na posição alugada pode significar um movimento de queda no papel. E o contrário também é verdadeiro, uma cobertura pode significar um movimento de alta.

Vamos lá !

Comentário: E parece que, finalmente, o mercado dá um sinal de que pode interromper – ao menos momentaneamente – a alta. Aqueles suportes que precisavam ser testados e rompidos, lembra ?, o foram no pregão de ontem.

Ok … em alguns casos foram testados, rompidos e recuperados, como foi o caso dos 50.000 pontos por parte do índice, mas a PETR4, por exemplo, testou os R$15,70, os R$15,40 e fechou abaixo desta última marca.

O “legal” (dependendo do seu ponto de vista, é claro) foi ver que alguns bons pivots de queda surgiram com a perda de alguns destes suportes. No índice temos um que tem como primeiro objetivo os 49.000 pontos, na PETR4 temos os R$14,50. Se vai lá ? Não sei … mas é nesta direção que estarei olhando. ;)

Será que veremos isso acontecendo já no pregão de hoje ? Será que teremos um “respiro” após a forte queda de ontem ? Ao menos eu gostei de ver a PETR4 furando os suportes, indo mais baixo, voltando e testando o mais abaixo (os R$15,40) e respeitando-o. Se hoje vai haver um novo teste … só o tempo dirá.

Mas hoje é um dia especial, um dia que costumo chamar a sua atenção … o que é hoje ? É a terceira quarta-feira de um mês par, e o que acontece nestes dias ? Vencimento do índice futuro. Lembra que estatisticamente falando este é um dia de alta até perto do final da tarde, pelo menos … ? Sim, a imensa maioria dos dias de vencimento do índice é caracterizado por uma alta até determinada parte do pregão, próximo ao seu fim, depois “segue a correnteza”.

Não, não é uma regra “fixa”, imutável e que dá 100% de certeza, mas a minha observação do mercado fez com que eu chegasse a essa constatação.

Então somemos isso ao fato de termos tido uma queda considerável ontem e alguns indicadores mais socados em alguns gráficos de curto prazo, e temos uma possibilidade de termos um pregão de alta para hoje …

(será que terei que morder a minha língua ? ;) hehehe)

Fiquemos atentos aos testes dos números citados ontem, o comportamento nestas regiões é que ditará o rumo do mercado para os próximos dias.


O que estou lendo ?





Confira outras indicações de leitura já feitas aqui no Clube

E aproveitando que você está aqui, que tal ajudar a escolher minha próxima leitura ? Basta deixar seu voto na pesquisa abaixo:


Qual deve ser a minha próxima leitura ?

Ver resultados

Loading ... Loading ...

Perfil dos Membros do Clube do Pai Rico

||| Fixo - Enviar para o Twitter!

Amigos, hoje solicito a participação de vocês em uma pesquisa que pretende determinar o perfil dos membros do Clube do Pai Rico. Posso contar com a ajuda de vocês ?

É rápido e fácil, e conhecendo melhor quem lê os nossos artigos, fica mais fácil para preparar material direcionado aos seus interesses. ;)

É uma pesquisa anônima, ninguém ( além de mim ) terá acesso aos dados individuais, somente o resultado final desta pesquisa será publicado.

Para participar basta preencher este formulário.

Muito obrigado ! :D

Página 1 de 41712345»417


Assine nossa newsletter !

Você quer ficar por dentro de tudo que acontece aqui no Clube ? Quer ser um dos primeiros a saber de nossos sorteios ? Quer ter a comodidade de receber em seu e-mail todos os artigos que são postados aqui no Clube ? Fácil ! :)

Para tanto você só precisa assinar nossa newsletter. Simples, prático e rápido. Está vendo o espaço (formulário) abaixo ? Basta que você escreva seu endereço de e-mail, confirme seu cadastro e pronto ! Receberá diariamente no conforto de seu lar (ou escritório, ou universidade, ou praia, ou campo, ou onde quer que seja, hehehe) tudo o que for publicado aqui no site.

Fique tranquilo, o sistema é feito para que você receba somente nossos textos, seu endereço não será divulgado (muito menos compartilhado) para ninguém. Garantia Clube do Pai Rico de qualidade. ;)

Ah ! E não precisa se preocupar com uma possível “enxurrada” de mensagens em sua caixa de entrada, os posts são agrupados por dia, você receberá somente um e-mail diário. :D