Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Como juntar dinheiro para o meu filho até ele completar 21 anos ?

Pergunta:

Bom dia Zé,

Queria uma orientação sua no que diz respeito a juntar dinheiro para meu filho. Quero juntar o dinheiro para ele, com aportes mensais, até ele completar 21 anos. O que você me indicaria?

Se já existe esse assunto no clube, te peço gentilmente que me mostre onde encontra-lo.

Desde já agradeço,

Lauriano Sousa

Resposta:

Bom dia Lauriano,

Que legal !! Estarás dando para o teu filho uma vantagem que poucas pessoas têm a possibilidade de sonhar em ter … Começar cedo é uma vantagem “injusta” e que deveríamos adotar como padrão em nossas casas.

Falei sobre essa vantagem “injusta” em um vídeo, você já viu ?

 

 

É o tipo de coisa que está ao nosso alcance e que pode ser facilmente adotado. Agora ! Neste exato instante ! 😉

Pensando no futuro, o ideal é que seja um investimento que garanta a ele a correção da inflação. Não sabemos como as coisas estarão no futuro, vai que o dragão acorda de novo … ? Tivemos uma visita rápida do nosso “amigo” e não foi das mais agradáveis … 🙄

Garantir a correção pela inflação nos traz mais tranquilidade e a certeza de que o poder de compra daquela aplicação estará perto do de hoje. De nada adianta planejar ter um determinada quantia lá na frente, sendo que ao chegar lá, ela não vale nada se comparado ao que era quando você imaginou … 🙁

Para isso, o ideal é que usemos o Tesouro IPCA. Um título negociado no Tesouro Direto que paga um prêmio (rendimento da aplicação) + a correção pelo IPCA. Como o teu horizonte é de 21 anos, o ideal é que você desse uma olhada no Tesouro IPCA+ 2035. O título vencerá em 2035, mais exatamente no dia 15/05/2035 e hoje está oferecendo um retorno de 5,12% ao ano + IPCA. 5,12% de juro real não é pouca coisa não ! 😉

Claro … para que ele possa garantir o resgate do valor integral, poderá fazê-lo somente no dia do vencimento. Se o fizer no meio do caminho, precisará enfrentar as condições do mercado … E isso pode significar o resgate de um valor maior, ou menor do que o investido inicialmente.

Como funcionaria a questão dos aportes mensais ? Indico a leitura deste post, pois ele te ajudará a entender o processo como um todo. Lembrando que hoje você pode fazer aportes regulares de no mínimo R$40. (valor aproximado, que muda diariamente de acordo com o “humor” do mercado)

Uma outra alternativa de investimento que você deveria dar uma olhada é a Bolsa. Sim, a boa e velha Bolsa. 🙂

Como ele tem um longo prazo de investimento pela frente, o investimento em Bolsa pode trazer um retorno bem interessante para o que lá for investido. Nem que seja apenas uma parte do capital a ser investido.

No Minha 1x na Bolsa temos algumas aulas (sim, algumas) que abordam o tema e mostram o motivo para se fazer isso. Talvez o investimento direto em ETF seja o mais prático e seguro para este caso. Seria um processo quase que automático, onde você poderia efetuar aportes mensais sem precisar se preocupar com a escolha “certeira” de uma determinada ação.

Você poderia abrir uma conta para ele (no nome dele, falo como lá no curso) numa corretora, e com isso ele poderia investir no Tesouro Direto e na Bolsa.

Para a Helena venho usando o Double PUT Double CALL para rentabilizar seu dinheiro. Crescimento no modo Turbo ! 😉

Espero ter te ajudado ! 🙂

Abraços !