Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Exercício parcial de Opções … Isso é possível ?

Pergunta:

Excelente texto! Uma dúvida!

Suponhamos que eu tenha comprado 10.000 em quantidade de determinada opção. No dia do vencimento da opção, caso eu queira comprar a ação pelo valor do strike, eu sou obrigado a comprar a quantidade de 10 mil ações ou eu poderia comprar menos? Como 2, 3 ou 5 mil…

Resposta:

Bom dia Guilherme,

Sim, você poderia solicitar apenas o exercício parcial, com a quantidade que realmente desejaria ter em carteira. (estamos assumindo que a opção que tens em mãos é uma CALL, correto ?)

Mas … qual seria a justificativa para fazer isso ?

Pense comigo: se você está solicitando o exercício, se você está disposto a exercer o seu direito adquirido junto à opção, é porquê o mercado dá condições de lucro para essa tomada de decisão. Correto ?

Se você decidiu exercer, é porquê o strike da opção está abaixo da cotação que o mercado apresenta no momento em que você tomou a decisão e solicitou o exercício. Correto ?

E se existe esta condição … qual seria o motivo para não exercer 100% da posição que você possui ? Por que não exercer as 10.000 opções ?

Já sei … Você me dirá que só possui dinheiro suficiente para exercer as 2.000, 3.000, 5.000 … Seria esse o motivo ?

Bom, se for, te dou uma boa notícia: você pode solicitar o exercício completo e em seguida vende as ações que excederam a sua capacidade financeira ! 😀

Sim !! Você exerce as 10 mil opções, fica com ~3 mil e vende as ~7 mil restantes. Desta forma você obtém lucro com a revenda destas 7 mil ações extras, ficando em carteira apenas com a quantidade que realmente queria e podia ter comprado.

Sim, isso é permitido e está nas regras do jogo. 😉

Há alguns dias falei sobre como funcionam as coisas para o caso de nos esquecermos de solicitar o exercício de opções que tínhamos em carteira e que estivessem nestas condições. (de trazer lucro)

Lembra ? A corretora (não são todas, mas sei que já são várias) exercerá de forma automática, mantendo em carteira apenas aquelas que você tiver capacidade financeira de manter. E isso não é exatamente a mesma coisa que estamos falando ? 🙂

Dê uma olhada no post “E se eu esquecer de solicitar o exercício da minha Opção ?” e veja como a corretora atua. Será +- isso que estou te sugerindo … A diferença é que você pedirá o exercício e venderá as ações que excederem o seu capital disponível. 😉

E sobre as ações (vindas do exercício) que você vai vender “no mesmo dia”, a operação de venda, neste caso, não é caracterizado como daytrade !

Portanto, SIM, você pode exercer apenas a quantidade que realmente quiser ter em carteira. Mas não, isso não é o ideal … Vai deixar $$$ na mesa por quê ? 😀

Espero ter te ajudado !!

Abraços !

Estou com dívidas e sem um colchão de segurança. Posso investir ?

Pergunta:

Estou passando por um momento de pagamento de dividas e tenho básico conhecimento de mercado de ações. Invisto através de metodologia B&H mas no momento não estou investindo devido meu endividamento.

Quero adquirir seu curso, acredito que até em março eu já consiga. Você recomenda a formação do colchão de segurança antes de operar o seu método?

Resposta:

Bom dia,

Esse é o tipo de atitude que nos leva mais longe ! Que nos faz ir além das “fronteiras” da mesmice ! Que nos separa da manada !! Parabéns !! 😀

Será um prazer te receber no curso e poder compartilhar contigo tudo o que aprendi (e continuo aprendendo) sobre as Opções. Ainda mais após enfrentares essa batalha para pôr a casa em ordem e mudar o teu atual cenário. 😉

Mas acredito que você tocou em um ponto importante e que há algum tempo eu vinha querendo abordar aqui no Clube: investir sem ter um colchão de segurança, ou usando ele, através do Double PUT Double CALL, é indicado ?

E, como sempre, eu serei direto: NÃO !! Não é indicado. Nem com o Double PUT Double CALL, nem com qualquer outro método ou estratégia.

Esse tema já foi abordado em outras ocasiões, sobre óticas diferentes, e sugiro que você(s) leia(m):

– Devo quitar minhas dívidas ou formar meu colchão de segurança ?
– Pago minhas dívidas ou uso o dinheiro para investir ?
– Zé, como você faz para usar o seu dinheiro do CDB em época de vacas magras ?

O colchão de segurança é quem lhe trará amparo nos momentos difíceis. É onde você encontrará a proteção necessária se algo der errado. 🙂

Pelo o que eu entendi em março tu zeras as dívidas e estarás pronto para começar a pavimentar a tua estrada. Correto ?

Então, nada te impede de já ir estudando, ou de começar a estudar a partir daquele momento (para o caso de precisares investir algo neste momento de aprendizado, como com a compra do curso). Mas já começar a pôr em prática, sem ter o colchão formado ? Eu não acho uma boa ideia não …

Já vi gente falando que iria fazer o curso e usaria o dinheiro DO colchão pra investir. Fiz com que a pessoa desistisse de fazer o curso e só voltasse na hora que tivesse uma grana extra, fora do colchão, pra isso.

Colchão de segurança é colchão de segurança e ponto final. A grana que estiver lá é para a sua proteção. Não pode misturar as coisas !! 🙄

“Ah, então eu só vou começar a estudar quando já estiver com ele formado e com grana na conta !!” Não, não foi isso que eu disse … Sugeri que o investimento seja feito com grana que não seja do colchão … Que só se comece a investir quando ele estiver formado … Mas sobre estudar ? Não !! Quanto mais estudarmos, quanto antes começarmos, melhor será.

Vejo muita gente que diz que só começará a estudar sobre um determinado investimento quando tiver dinheiro para investir naquilo. Não !!! Você já pode e deve ir estudando !! Aproveite o tempo que não pode pôr em prática para ir se aprofundando nos estudos, ir amadurecendo a forma de investir, os prós e os contras, os riscos e os benefícios.

Quando a grana estiver na sua mão, será muito mais fácil dar um primeiro passo consciente. 😉

Quanto antes você começar a se aprofundar nos estudos, melhor.

Então, a minha sugestão é: comece os estudos assim que for possível. Mas coloque o método em prática (pra valer) somente com o colchão formado. Combinado ? 😀

Segurança e tranquilidade em primeiro lugar. São 2 dos pilares que formam as bases do Double PUT Double CALL. Por que haveríamos de mudar justamente em relação ao colchão ?

Espero ter te ajudado ! 🙂

Abraços !

E o desespero toma conta do mercado !!! Ou seria do “mercado” ?

Que pancada !! 3º dia consecutivo de queda. Aproximadamente 5% de queda do topo, o topo histórico.

5% … é, só 5%. E com apenas 5% de queda eu já começo a ver MUITA gente entrando em desespero … 🙁

É sempre assim: muitos comprando sem saber o real motivo, sem entender as razões que justificariam tal compra. “Compra porquê vai nos 100 mil pontos !!” …

“Ah, tô comprando pro longo prazo Zé !” ou “É pra buy & hold !!”, que na próxima esquina acaba virando buy & pray … Ou então quem compra por análise gráfica, para um tiro curto, e acaba se casando com a ação … e virando fundamentalista. 🙁

Gente, foram apenas 5% de queda ! Até o momento não passa de uma simples correção !!

Pode ir mais longe ? Pode … Ainda pode corrigir bem mais. Como também pode virar e testar o topo de novo.

“Ah, tô aproveitando a queda pra encher o carrinho ! Promoção ! Anteciparam a black friday !!”

Juro que não gosto de ver esse tipo de reação a eventos como a última queda …

De novo: foram apenas 5%. Caiu, corrigiu !!, apenas 5% … E dependendo da situação, isso está longe de ser considerado uma promoção.

O povo tá tão otimista, mas tão otimista, que não parou para pensar, nem por um único segundo, se haviam motivos para isso.

E um detalhe: não foi por falta de aviso nem sinais … Faz dias que temos dado destaque à saída dos gringos, tanto em grana viva da Bolsa, quanto em relação à venda de contratos de índice futuro.

“Ah, desta vez eles vão trocar o pé Zé !!”, parece que não tá sendo bem assim. Não é mesmo ?

De novo: pode ser que a correção acabe hoje, acabe amanhã (amanhã não, porquê é sábado), mas e se for mais longe ?

Subimos muito, por conta da felicidade de termos expurgado os petralhas de BSB. Agora é ver o que vem pela frente … Mas enquanto isso, o resto do mercado mundial começou um processo de correção. O Dow Jones caiu +- 10% enquanto estávamos em festa …

Sério … Pare por um minuto e pense, reflita. Ok ?

Mas e se for apenas uma correção Zé ?

Então você pode começar mesmo a pensar em aumentar suas posições !!

Você aceita uma sugestão ? Uma forma que te permitirá comprar as ações que você deseja, e numa promoção de verdade.

Dê uma olhada no post: “Quer comprar ações com desconto ?” onde apresento uma estratégia extremamente simples, que faz exatamente o que falei, que te permite comprar ações com desconto.

Sim, uma estratégia que usa Opções. Mas qual o seu problema com isso ? Não, elas não são tão perigosas como te disseram. Claro … desde que usadas da forma correta !! A compra de ações através do lançamento de PUTs é extremamente simples e segura.

Faz tempo que não compro uma ação sem ser através delas. 😀

E se não for ?

Então é melhor que o seu Plano B esteja pronto e que você o siga.

Não adianta colocar a culpa nos outros … ou na situação. A confecção dos seus planos de investimento, o A (o principal) e B (o emergencial) é de sua responsabilidade !!

O A não deu certo ? Acione o B e espere por uma nova oportunidade ! 😉

Mas te garanto que ficar apenas na torcida, ou rezando, não terá a mesma eficiência.

Se quiser uma estratégia que tem Plano A e B prontos, detalhados e explicados, conheça o Double PUT Double CALL, o método que desenvolvi e me permite passar por momentos como o atual de forma tranquila e serena. 🙂

Quem me acompanha lá no Twitter (e os mais de 500 alunos que já conhecem a estratégia) mais do que sabe disso ! 😉

Mas acima de tudo …

Lembre-se: o mercado nos proporciona novas oportunidades a todo o momento. Não é por causa de um tombo, ou por ter deixado uma oportunidade passar, que tudo está perdido. 😀

E se eu esquecer de solicitar o exercício da minha Opção ?

Hoje recebi uma dúvida interessante do Cleber lá no Twitter:

@clubedopairico pode tirar uma dúvida? Se eu vendo opções de compra, elas correm o risco de não serem exercidas pela parte compradora (e não conseguir vender o papel)?

Você já sabe como funciona o exercício de Opções, não é mesmo ? Se ainda não sabe, leia o post: “Como funciona o exercício de opções ?“. Uma outra coisa importante a ser bem conhecida neste momento são os direitos e deveres que envolvem a compra e a venda de uma Opção. Para tanto, leia este outro post: “O que é uma CALL ? O que é uma PUT ?

Bom, agora que você já sabe como funciona o exercício, e quais são os deveres e obrigações dos compradores e dos vendedores de cada tipo de Opção, releia a pergunta do Cleber. Pronto ?

É, ele gostaria de saber se mesmo com o preço da ação estando acima do strike da opção que ele lançou (estamos assumindo que seja uma CALL), dando condições para que ocorra o exercício, se existe a possibilidade de não ser exercido.

É uma dúvida perfeitamente natural e se você nunca parou para pensar nisso, deveria ter pensado. 😀

Dada a natureza das Opções, a pessoa que tem a Opção em mãos, a pessoa que comprou uma Opção e a carregou até o dia do vencimento, possui o direito (e não a obrigação) de exercer, ou não, aquela Opção. Se existe um direito, aqui temos um momento de escolha do comprador.

Sim, mesmo que as condições lhe sejam favoráveis, mesmo que o exercício venha a lhe trazer lucro, mesmo que tudo aponte para o exercício, ele pode não ocorrer. Motivo ? A pessoa pode ter esquecido de fazer a solicitação junto à corretora. Ou ainda o portador da Opção pode nem se lembrar de que ela estava na sua carteira.

Acredite: isso acontece. Hoje não tanto, pois o controle da posição pode ser feito facilmente através da tela do homebroker … Mas há alguns anos, onde tudo o que você tinha era um telefone para perguntar na corretora … Acontecia. Acontece. Continuará acontecendo. 🙂

Com isso te pergunto: o que acontece se alguém se esquecer de pedir a execução do exercício ?

A posição da B3 é clara e está apresentada em seu site:

O exercício ocorrerá mediante a solicitação do titular. Caso o exercício não seja solicitado, a opção caducará, extinguindo automaticamente os direitos do titular e as obrigações do lançador.

Isso … Se você não pedir para exercer, a opção morre … vira pó … e a oportunidade terá passado.

Se você esqueceu, bau bau.

Mas calma … existe uma esperança !!

Algumas corretoras, tirando proveito dos processos (automatizados e digitalizados), passou a atuar de forma a proteger e ajudar os seus clientes. 😀

Sim !! Algumas corretoras perceberam que isso acontecia, que alguns investidores simplesmente se esqueciam de pedir o exercício, e adotaram uma postura pra lá de favorável: (do site da Clear)

O cliente titular de opção de compra (call) ou opção de venda (put) deve se manifestar a respeito do exercício de opções até no MÁXIMO as 11:00.

A partir das 11:01, para os clientes que não entrarem em contato, a mesa de operações realizará o exercício da seguinte forma:

Opções de Compra (call)

Caso o preço do ativo base se encontre acima do valor do Strike, deixando a operação economicamente atrativa, a mesa efetuará o exercício da posição titular. Após exercida a posição, o Departamento de Risco analisará a capacidade financeira (previamente depositada) do cliente na Clear e seguirá uma das alternativas abaixo:

*Caso o cliente tenha financeiro para liquidar o exercício, a posição exercida será registrada no módulo Swing Trade.

**Caso o cliente não tenha recurso financeiro disponível a posição será exercida e zerada em seguida.

Opções de Venda (put)

Caso o preço do ativo base se encontre abaixo do valor do Strike, deixando a operação economicamente atrativa, a mesa efetuará o exercício da posição titular. Após exercida a posição, o Departamento de Risco analisará a capacidade financeira (previamente depositada) ou posição em carteira do cliente na Clear e seguirá uma das alternativas abaixo:

*Caso o cliente tenha custódia para liquidar o exercício: A posição exercida será registrada no módulo Swing Trade.

**Caso o cliente não tenha recurso financeiro disponível a posição será exercida e zerada em seguida pelo Departamento de Risco.

Isso, tudo de forma automática. 🙂

E lembrando que este “daytrade” não é um daytrade … 😉

Eu achei a adoção de tal postura, fantástica ! Visa beneficiar o cliente/investidor, em situações onde um lapso de memória, ou o puro e simples desconhecimento, deixariam de trazer lucro pra ele. 😀

Então, respondendo ao Cleber, sim … existe a possibilidade daquela venda não vir a ser exercida. Mas, a cada dia que passa, isso está cada vez mais próximo de não acontecer.

Não, eu não sei te dizer se essa é uma regra PADRÃO das corretoras. Sei que ALGUMAS adotam esta regra, mas não posso dizer que TODAS fazem isso. Sugiro que você pergunte à sua para ver como eles atuam. 🙂

Como anda o sell in may and go away em 2018 ? (outubro)

E chegamos ao fim de mais um “sell in may and go away” !! 🙂

No início, deu pinta de que seria mais um ano favorável à estratégia. A greve dos caminhoneiros veio para bater o martelo e …

… iniciou uma reviravolta, encerrada com a eleição de Bolsonaro presidente. 😉

É … começamos em 86.115, fomos até os 69.069 e terminamos o acompanhamento com 87.424 pontos ! 😯

Aproximadamente 1.300 pontos de alta, +1,5%.

É … pouco, muito pouco. Mas foi alta. 😀

Valeria a pena ter se mantido posicionado ? Olha … se você tivesse colocado a grana no Tesouro SELIC (ou algum outro investimento que entregasse 100% do CDI), você teria um retorno de 3,15%.

E então, você me diz … teria valido a pena ir “contra” o sell in may ?

Atualizando as estatísticas: 8 quedas, 6 altas e 5 anos de estabilidade desde 2000.

Vamos aos gráficos ?

Olha o Bolsonaro tentando romper o topo histórico !! 😉

O “problema” é que está um pouco esticado (na minha opinião) no semanal … Teste do topo pra corrigir ?

Já no mensal, uma barra de respeito. Uma alta sem concorrentes … só parecida com a pré caminhoneiros … 🙄

E eu lhes pergunto: e agora José ?

Você costuma guiar suas operações por essa estratégia de calendário ? Qual vem sendo o seu desempenho caso sua resposta seja positiva ?