Clube do Pai Rico
Adquira o seu agora mesmo!

Tive lucro hoje, posso esperar para pagar o IR no final do ano ?

Pergunta:

Aproveitando o tema…………………..tive lucro em maio. Tenho que recolher até final de junho IR ou posso recolher só no final do ano, para aproveitar e abater possíveis prejuízos nos meses de junho a dezembro ??!? Obrigado.

Resposta:

Bom dia Evandro,

Olha … se você quiser pagar o tributo com multa e correção … pode. 😉

Brincadeiras à parte, não, você não pode fazer isso. 🙁

O uso de um prejuízo para abater um lucro só poderá ser feito com lucro futuro, nunca com um do passado.

Se você teve prejuízo em abril, e lucro em maio … Tudo ok ! Poderá abater o lucro obtido do valor “em aberto” e pagar somente o excesso. (ou talvez não pagar, caso não tenha sido o suficiente para zerar a conta)

Se você teve lucro em maio, sem nenhum histórico de perda passada, se vendeu mais de R$20 mil em ações no mês de maio, se foi um lucro obtido com operações envolvendo opções, precisará pagar o Imposto de Renda até o último dia útil do mês seguinte ao do lucro. Ou seja: se lucrou em maio, precisará pagar o IR até o dia 29 de junho de 2018. 😀

De novo: você não pode abater lucro atual de perda futura !!

Se quiser, como eu disse, poderá pagar mais pra frente … Mas com direito a multa e correção do valor devido. 😉

Aproveitando o tema, sugiro a leitura do post “Como pagar menos Imposto de Renda no investimento em ações ?“.

Espero ter te ajudado ! 😀

Abraços !

ps: a pergunta do Evandro surgiu no post “Tenho um prejuízo antigo com Daytrade e hoje tive lucro. Como pago o IR ?

Tenho um prejuízo antigo com Daytrade e hoje tive lucro. Como pago o IR ?

Pergunta:

Ola, boa tarde, eu tenho prejuizo de varios anos no day trade e venho declarando isso no Imposto de Renda, mes passado eu tive lucro sobre as operaçoes day trade ; a pergunta é: eu tenho que pagar darf mensal ou posso segurar ate o fim do ano e abater nos meus prejuizos q sao grandes sobre esse valor e declarar so no final do ano? agradeço desde ja a ajuda , parabens pelo site.

Resposta:

Bom dia Saulo,

Tenho uma ótima notícia para você !! Sim, você não precisará paga o imposto sobre esse lucro neste momento. 😀

Como você disse, já tem um prejuízo acumulado, de anos anteriores, na modalidade daytrade. Portanto, os lucros que vier a ter agora poderão (e deverão) ser abatidos deste valor até que seja zerado.

Como você disse, vem informando na sua declaração anual de imposto de renda a existência deste prejuízo acumulado. É a partir dessa informação que a Receita saberá que o lucro que você teve hoje não exigirá o pagamento. 😉

De que forma funciona: você tem o prejuízo acumulado e informado. Hoje teve um lucro, menor do que o valor perdido. Pegará esse valor e deduzirá do montante em “aberto”. Poderá fazer isso até que ele seja zerado e ai sim voltará a paga IR sobre operações daytrade.

É importante frisar que somente lucros obtidos em daytrades poderão ser abatidos do valor a compensar. (e sei que você já sabe disso, mas é importante reforçar para os outros que leem)

Como a Receita ficará sabendo que você teve o lucro hoje ? Na sua próxima declaração anual, é lá que você informará que no mês de maio teve um lucro de R$xxx. Você verá que o programa da Receita deduzirá o valor obtido de lucro do total a ser compensado, tudo de forma automática. 😉

Além disso lembro que você já entregou parte do lucro à Receita, foi retido diretamente na fonte. 1% do teu lucro já está lá com eles. É importante que você anote o valor para que ele também seja ressarcido no futuro conforme os lucro vierem.

A ordem de “devolução” é:

1º o saldo a compensar por conta de prejuízos do passado
2º o saldo acumulado em IR retido na fonte

Você não precisa se preocupar com nada, além de informar à Receita sobre o lucro de hoje na sua declaração anual. Irá compensar enquanto houver saldo em aberto (prejuízo a ser compensado), e somente após isso é que retornará a pagar IR sobre o lucro de operações daytrade. 😀

Espero ter te ajudado ! 😉

Abraços !

Resultado das simulações de Straddle de ontem !

Ufa ! Ainda bem que segui minha estratégia e não montei um Straddle. 🙂

O resultado da Petrobras veio bom, agradou, fez a ação subir, trouxe lucro (o maior dos últimos tempos), anúncio de JCP (5¢, mas é) … mas não empolgou o mercado.

É … veio bom, subiu, mas “subiu”. E como sabemos, um Straddle gosta mesmo é de um movimento robusto, forte, com vontade !! 😉

1,5% de alta “nem fez cócegas” na possível operação …

Ok … Ok … Ok … !! Tivemos uma FORTE alta na segunda-feira. Com momentos em que vimos 4% de valorização na PETR4. A operação #3 (PETRE23 | PETRQ215) se mostrou lucrativa, chegando a apresentar 15% de lucro, mas … a operação tinha como alvo o resultado em si. Quem deixasse para montar na segunda-feira, afinal de contas o resultado seria divulgado na terça, não conseguiu encontrar as opções pelo preço apresentado na simulação. (que eram os dados de fechamento de sexta)

Então … na segunda teria tido lucro, mas … não sei se daria para dizermos que o Straddle para o balanço funcionou por conta disso.

Quem montou na sexta, parabéns ! 🙂

Desta vez a antecipação se mostrou válida. Mas foi dessa vez …

Bom, vamos ver como as três propostas se comportaram ?

#1 – ATM

PETRE222 | PETRQ222 (101¢ | 25¢)

Custo total para montar: R$1,40

Preço de encerramento: R$1,26

Perda de 10%

#2 – levemente OTM

PETRE225 | PETRQ22 (80¢ | 20¢)

Custo total para montar: R$1,05

Preço de encerramento: R$1,00

Perda de aproximadamente 5%

#3 – OTM

PETRE23 | PETRQ215 (51¢ | 12¢)

Custo total para montar: R$0,64

Preço de encerramento: R$0,63

Perda de aproximadamente 2%

Conclusão …

Se não fosse pela valorização vista no dia anterior à divulgação do balança, o desempenho da operação teria sido pior, muito pior.

Uma simulação da ATM, com preço de fechamento de segunda-feira, que seria a dupla PETRE225 | PETRQ225, que teria um custo de montagem de R$1,29, seria encerrada ontem por R$1,14 … Ou 12% de perda.

Portanto, mais uma vez, a conclusão principal a ser tirada desta simulação é: o Straddle é muito mais do que apenas comprar uma CALL e uma PUT equidistantes da ação mãe. O Straddle exige que o investidor saiba como as opções se comportam … O que influencia sua cotação e de que forma ela se comportará diante de uma situação específica.

Enxergar que as opções estão “acima” do peso me traz uma informação extra para a minha tomada de decisão. Ao saber que elas estão obesas me informa que eu entraria na disputa já com um placar adverso. Entraria em uma operação onde saberia que precisaria de um desempenho ainda mais “fora do comum” da ação, para que tivesse lucro.

Sim, entrar em uma operação por entrar é o que te leva à derrota no longo prazo. Você pode escolher quais batalhas lutará, você não é obrigado a entrar em toda briga que vê pela frente. Entrar apenas as que se mostram vantajosas para você, traz uma enorme chance de que dê certo e te proporcione lucro.

Entrar por entrar … é melhor se preparar para sair.

Portanto: mais uma simulação onde a experiência me indicou ficar de fora e que graças a isso pude evitar uma perda e protegi meu patrimônio. 😉

Esse é o tipo de experiência e informação que compartilho no meu curso de Opções, o Double PUT Double CALL. Se ainda não é aluno, te convido a conhecê-lo e a se juntar aos quase 500 alunos que já passaram por ele. 😀

Venha ! Será um prazer compartilhar o que aprendi nos últimos 20 anos de mercado e lhe apoiar nesta jornada de aprendizado que te proporcionará belos frutos ! 😉

Um Straddle para o resultado da Petrobras no dia 8 de maio ?

É, já está virando uma tradição aqui no Clube, hehehe. 🙂

Sempre que se aproxima um evento mais importante, onde a montagem de um Straddle com opções de PETR4 se mostra possível, um post com as minhas impressões é publicado. 😉

Em 2018 já tivemos 3:

Como ganhar dinheiro com o julgamento do lula no dia 24 ?
– Straddle para a semana (que vem) tumultuada em Petrobras ?
– Straddle para o HC do mullalá ?

No primeiro, do julgamento do lulla, eu participei. 20,41% de lucro.

Como destino apenas um percentual do capital para essa operação, o retorno foi equivalente a 1% do total. Não, o Straddle não é a minha operação principal, ela é apenas parte da minha estratégia e é usada apenas em raras ocasiões, quando enxergo uma vantagem real para o meu lado. 😉

Tanto é que das 3, essa foi a única empreitada que encarei em 2018 com um Straddle. Não tenho motivos para entrar em TODAS as operações. Busco oportunidades, e não apenas uma operação. 🙂

A primeira me parecia ter chances reais, as outras 2 não.

E sim … Parece que o script está se repetindo mais uma vez.

Um Straddle para o resultado de amanhã ?

Amanhã, dia 8 de maio, a Petrobras anunciará o resultado do 1º trimestre de 2018. Um evento que tem força para mexer o papel. Além do resultado em si, existe a possibilidade de termos alguma novidade em relação à cessão onerosa. Tudo ficou muito quieto sobre o tema depois que “fontes” alegaram que a divulgação de uma definição sobre a onerosa poderia ficar apenas para o ano que vem.

Ok … Período de silêncio por conta da divulgação do resultado exige isso. Mas … sabe como é. 🙄

Então amanhã pode vir resultado e onerosa. Como era para ter sido em março.

Eu, sinceramente, não gostei muito dos números que vi. Achei as opções um pouco mais gordas do que gostaria que estivessem.

Vamos dar uma olhada ?

Você já conhece o formato tradicional do levantamento: ATM, levemente OTM e OTM.

#1 – ATM

PETRE222 | PETRQ222 (82¢ | 58¢)

A balança está mais baixa no lado da CALL … Comparando com o último estudo, o do HC do lula, a CALL está BEM mais cara, enquanto a PUT mais barata …

Custo total para montar: R$1,40

Caro … MUITO caro.

#2 – levemente OTM

PETRE225 | PETRQ22 (61¢ | 46¢)

Mais uma vez, comparando ao último estudo, a CALL está mais pesada do que a PUT.

Custo total para montar: R$1,05

Um assalto …

#3 – OTM

PETRE23 | PETRQ215 (38¢ | 26¢)

E para não fugir à “regra” … CALL obesa.

Custo total para montar: R$0,64

Interessante …

Na #2 e #3, as PUTs apresentam praticamente o mesmo valor das PUTs do estudo anterior. Enquanto isso as CALL custam quase 50% a mais !! 😯

Resumo da ópera: ficarei de fora. Posso deixar de ganhar … Mas com essa obesidade toda, a alta que precisaria vir para me trazer lucro teria que ser BEM forte. A distorção de peso para as CALL aponta uma preferência do “eleitorado” para um dia de alta após o resultado. Ao menos é assim que enxergo … 😉

Ah ! Importante: quando monto a operação, costumo desmontá-la toda de uma vez. Faço a venda das duas pontas ao mesmo tempo, quando atinge o resultado que me agrada. Não, não zero um dos lados, por achar que o outro irá melhorar ainda mais. E se ao achar que isso vai acontecer, acontece uma virada de mão e a situação muda ? A ideia mais segura é levar as duas, CALL e PUT, até o momento do desmonte. Se você consegue se dar bem com um Straddle “capenga”, parabéns. Eu prefiro ir até o fim com mais segurança … 🙂

Mas e você, pretende montar um Straddle para amanhã ?

Sell in may and go away ! (v.2018)

Sim !! O já tradicional post anual do Clube do Pai Rico está de volta ! Mais um ano se passou e é chegada a hora de iniciarmos o acompanhamento do “sell in may and go away” de 2018 !

Depois de mais um ano onde a estratégia falhou, estamos acompanhando desde o ano 2.000, e neste período o desempenho da Bovespa se resume em: 8 quedas, 5 altas e 5 anos de estabilidade. Em 2017 tivemos uma bela alta, saindo dos 65.403 e terminando 74.308. 9 mil pontos !! Quase 15% de alta … É, a tendência de alta continua. 😉

Só que em 2018 temos um ingrediente extra … Eleições presidenciais ! Mais agitação para o mercado e dúvida para todos. Em 2014 subiu, lembra ? A esperança de que o Aécio tiraria a Dilma do poder ainda existia e isso fez com que o mercado subisse em “comemoração”. Não levou e deu no que deu … 🙁

Se a estratégia funciona ?

No período tivemos 44% de acerto “direto”, com quedas mais interessantes. Mas se levarmos em consideração os anos em que o índice não se mexeu, o que permitiria que você alocasse sua carteira em investimentos de renda fixa e com isso garantisse alguma valorização no período, o índice de acertos saltaria para mais de 70% de acerto ! 😯

Sim, eu acho que ao menos desconfiar de sua serventia você deve … 😉

Qual será o nosso ponto de referência em 2018 ?

86.115 pontos. Guarde esse número. 🙂

Olhando para o gráfico acima, algumas observações possíveis de serem feitas:

– Estamos em uma região de resistência(topo histórico)
– IFR nas alturas;
– Tivemos 3 dojis nos últimos 3 meses, ocorrendo num topo …

Vamos dar uma olhada em outros tempos gráficos para nos ajudar ?

Estamos numa briga “eterna” nas últimas semanas. A região dos 84 mil pontos tem trabalhado arduamente como suporte e a dos 85.500 vinha sendo a resistência dos Ursos. Somente na semana passada que tivemos a impressão de que ela foi finalmente rompida.

Foram 2 meses de bate no suporte e volta pra resistência, bate na resistência e volta pro suporte …

E, por fim, o diário:

É ele quem delimita mais claramente nossos pontos “limite”:

88 mil é o topo do topo do topo. Nunca fomos mais longe do que a região que hoje aparece no nosso gráfico como sendo a cotação mais alta para o Ibovespa. É lá que os Touros estão de olho. 😉

Já os Ursos continuam sua batalha, na tentativa de romper os 84 mil e com isso levar o índice a um teste na região dos 81 mil pontos, a região de fundo que vemos no mês de fevereiro.

Mas no momento estamos acima da LTB que vinha guiando o movimento de correção que nos “prendeu” nos últimos 2 meses. Acima da região dos 85.500 que foi o topo daquela acumulação. E ao menos por enquanto … estamos subindo.

De olhooooooo

Fiquemos atentos nos 84.000 e nos 88.000 pontos. E nos vemos em breve ! 😉

Não conseguiu entender direito o que foi dito aqui no post ? Indico que você leia o nosso e-book “Como o Zé ganha na Bolsa“. Solicite o seu, é de graça !!! 😀