Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!


Opções americanas e europeias, qual é a diferença ?

Quem começa a operar com Opções encontra alguns conceitos que fogem do padrão operacional da Bolsa. O mundo da Opções é quase que um universo paralelo, com regras e bases teóricas únicas e que só existem nelas.

Um desses aspectos únicos é o conceito de Opções americanas e europeias. Você já ouviu falar sobre isso ?

Como você já deveria saber – e se ainda não sabe está mais do que na hora de saber … – as opções têm prazo de validade, tem uma data limite onde deixam de existir por conta do exercício de opções, por conta do vencimento delas. Toda terceira segunda-feira do mês acontece o vencimento de opções, dia onde os detentores (aqueles que compraram alguma opção e ainda a possui em sua carteira) precisam decidir se irão ou não exercer o seu direito. É o prazo limite para que o detentor de uma opção tome a sua decisão.

Mas como todo prazo limite, você provavelmente poderia tomar sua decisão de forma antecipada. Correto ? “Sim” … e sim, entre aspas.

É neste momento em que o conceito de opções americanas e opções europeias vem á tona. 😉

A diferença básica entre os dois tipos de opção é a seguinte:

Opções Americanas – o detentor de uma opção do tipo americano poderá exercer o seu direito a qualquer momento até o prazo limite do vencimento daquela opção. (o dia do vencimento da série, às 13h)

Opções Europeias – o detentor de uma opção do tipo europeu só poderá exercer o seu direito no dia do vencimento da série, até às 13h.

Sim, a diferença é simples e define o “quando” uma opção poderá ser exercida. 🙂

Americana, a qualquer momento até seu vencimento; Europeia, somente no dia do vencimento.

Mais simples impossível, não ? 😀

Uma observação importante em relação ao nosso mercado, ao mercado brasileiro de opções é:

As opções de compra (CALL), são em sua maioria do tipo americano. Não, elas não são somente do tipo americano, mas a grande maioria delas é do padrão americano.

As opções de venda (PUT), são por padrão do tipo europeu. NUNCA vi uma PUT do tipo americano …

Esse conceito de opções americanas e europeias já foi abordado em um outro post aqui do Clube, o qual indico a leitura: “Opera com travas ? Abra o olho …“. Justamente a característica “pode ser exercido a qualquer momento” versus “só pode ser exercida no vencimento” pode trazer uma consequência desastrosa para quem opera com a venda travada de opções … 🙄

Como identificar qual o tipo da Opção ?

Existem algumas formas. 🙂

Vou citar 2:

– no site da B3, na listagem das opções disponíveis para aquela ação, é informado se é americana ou europeia. Lá, escolha a empresa que gostaria de operar com as opções. (será mostrado em ordem alfabética, depois virá a listagem completa de opções)

A identificação é feita pelas letras A e E. 😉

– Direto no seu programa de acompanhamento de cotações/gráficos ou no próprio homebroker.

Ao inserir o ticker da opção, aparecerá na descrição dela se é americana ou europeia. Por padrão é americana, então só será informado se ela for europeia, aparecendo a letra “E”. 🙂

O tema te interessa ? Você tem vontade de investir com Opções ? Te convido a conhecer o Double PUT Double CALL, o meu curso de Opções ! Será um prazer lhe ajudar neste processo de aprendizado !! 😀