Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

A síndrome da Classe Média

“Nunca antes na história deste país tantas pessoas saíram da faixa
da pobreza em direção à classe média !”

Lulla Molusco – Presidente do Brasil

Que maravilha ! Muitas pessoas estão sentindo pela primeira vez em suas vidas um aumento substancial de renda. FATO (a custa do bolsa esmola/voto mas tudo bem …)

Nos últimos 15 anos quase 13 milhões de pessoas deixaram a base da pirâmide. Eles não se tornaram necessariamente classe média, mas ao menos tiveram um aumento na renda familiar. Ok

Como já vimos em um outro post aqui no Clube, as classes sociais são muito mal divididas aqui no Brasil – ao menos essa é a minha opinião e ponto final. Afinal para ser considerado classe média por aqui a pessoa precisa ganhar pouco mais de R$ 2 mil/mês. Ou melhor, a pessoa não, a família inteira …

A nossa classe média tem como limites os valores aproximados de R$ 2 mil e R$ 3,5 mil … algo em torno de R$ 24 mil e R$ 40 mil por ano. Abaixo disso são pobres e acima são ricos, sem enrolação.

Ontem vendo as notícias referentes ao anúncio de um novo pacote de estímulo à economia dos Estados Unidos, mais direcionado à classe média, me surpreendi com um número: o limite superior deles é um “pouco” mais alto do que o nosso … a faixa deles vai de U$ 50 mil até U$ 125 mil anuais !!! 😯

Sim … o nosso cidadão mais rico da classe média não chega nem perto de entrar na deles, isso se considerarmos somente números e não o “valor do dinheiro”. Se a conta de conversão for feita o brasileiro precisaria ganhar pouco mais de R$ 85 mil por ano para entrar na classe média americana! Para estar no limite superior precisaria de algo próximo a R$ 220 mil !!! É mole ou quer mais ? 🙁

Para que os brasileiros da classe B1 fossem considerados classe média nos EUA precisariam mais do que dobrar seus rendimentos !!! É triste … bota triste nisso … as nossas comemorações não passam de piada para o resto do mundo …

Um brasileiro da classe A1 – o topo da lista – entraria “por pouco” na classe média deles, afinal aqui quem é “rico” ganha aproximadamente R$ 120 mil/ano …
(isso sem levar em consideração que lá as coisas são infinitamente mais baratas do que por aqui … então o poder de compra das pessoas lá é absurdamente maior)

E para ajudar mais um pouco …

Mas não se esqueça de um grande detalhe ! A classe média é quem sempre acaba pagando o pato, é ela quem sempre acaba sofrendo mais nas mudanças de rumo da política econômica. Não preciso nem dizer que ela é quem mais paga impostos … não é mesmo ?

Não canso de culpar “uma pessoa” por isso. Maldito seja você Robin Hood !!

A ideia de tirar de quem “têm” para dar aos que não têm me irrita profundamente … não pelo simples fato de tirarem de alguém para dar para outra pessoa, mas sim porque no meio sempre existem “ralos” que acabam levando uma boa parte do que é “arrecadado”. E muito se engana quem pensa que são os ricos que alimentam a migração que foi citada no início do post. Eles são poucos, o muito que têm não pesa tanto assim … já a classe média não, ela é enorme, gigante. Pegue um pouco de cada um e terá muitas vezes mais do que se pegar um monte de alguns ricos. Pode ter certeza.

Já não seria hora de apoiar um pouco mais este grupo ?

Veja o programa “Minha casa minha vida” por exemplo. Em teoria ele atenderia aos brasileiros da classe média, mas somente isso, na teoria. O limite para obter taxas especiais de financiamento vai até 10 salários mínimos, mas o limite do valor do imóvel torna impraticável … Somente imóveis até R$ 130 mil podem fazer parte do programa. Já deu uma olhada nos imóveis que estão dentro desse limite de preço ?

Não adianta nada dizer que “pode” se não tem como ! Dizer apenas por dizer, para dizer que pode …

SaúdeEducaçãoSegurançaMoradiaTransporte … Você paga, paga, paga, paga e paga mas não recebe nada de volta …

Bom amigos, só nos resta uma coisa: Batalhar, ir em busca do topo da pirâmide é a única alternativa. Estude, trabalhe (não necessariamente tenha um emprego, ok ? 😉 ) e crie patrimônio. É a única opção.

Ou então faça como muitos … deixe tudo como está. Não faça nada … deixe que o “pai” traz tudo para você …

🙁