Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Como funciona o rendimento em uma operação de venda coberta de Opções ?

Pergunta:

Boa noite
Eu não entendi muito bem os cálculos dos rendimentos ao se fazer a venda coberta. Se eu tenho uma ação comprada por 10 reais e vendo uma opção de 1 real e strike 12, se a ação subir até o strike eu for exercido eu ganharei o prêmio mais a valorização da ação, pelas minhas contas daria 30%. É isso ou eu entendi errado?
Obrigado.

Resposta:

Opa ! Tudo certo Eduardo ? 🙂

É exatamente isso !! 😀

Neste caso, a operação é formada por “duas partes”: o prêmio e o exercício.

Por que separar em duas partes ? Por um simples motivo … O valor obtido no lançamento da Opção, o prêmio da Opção, já é seu. Não importa o que aconteça, o R$1 que você recebeu no início da operação, ao criá-la, já é seu. Sendo você exercido, ou não.

Chegou o vencimento e a ação está R$10 ? O prêmio é seu !

Chegou o vencimento e a ação está R$12 ? O prêmio é seu !

Chegou o vencimento e a ação está R$15 ? O prêmio é seu !

Já a segunda parte da operação é onde mora a parte do “depende …”. 😉

Chegou o vencimento e a ação está R$10 ? Você não é exercido e mantém a ação em carteira. (mas o prêmio já é seu !!)

Um retorno de 10% sobre o valor da tua ação comprada.

Chegou o vencimento e a ação está R$12 ? Você é exercido, entrega a ação e recebe os R$12. (e o prêmio também é seu)

Um retorno de 30% sobre o valor da tua ação comprada.

Chegou o vencimento e a ação está R$15 ? Você é exercido, entrega a ação e recebe R$12 pela venda. (e o prêmio também é seu)

Um retorno de 30% sobre o valor da tua ação comprada.

Sim, não importa quanto a ação estiver valendo, acima do strike, é o valor do strike que você irá receber. Seja R$15, R$25 ou R$50 … você receberá os R$12 acordados no início da operação. É justamente essa limitação que faz com que algumas pessoas insistam em dizer que a venda coberta é uma operação “arriscada”.

Para elas, você está correndo o risco de “perder uma arrancada da ação” …

Não, eu não concordo que seja um risco. Afinal de contas você já era conhecedor de todos os detalhes da operação na hora em que ela foi montada. Sabia quanto receberia caso fosse exercido.

Risco seria se houvesse alguma chance de perda do capital originalmente usado na operação. E se a pessoa está trabalhando com a venda coberta de CALL em uma carteira visando o longo prazo, onde as ações seriam mantidas encarteiradas, mesmo se houvesse uma queda em sua cotação, isso não poderia ser encarado como “risco“.

Então não, a operação de venda coberta de Opções não é uma operação arriscada. Ela, no máximo, afeta aqueles que vivem na esperança de obter ganhos estratosféricos e imediatos. Afeta ao limitar, momentaneamente, o tamanho de seus sonhos ! 😉

Sim, momentaneamente ! Afinal de contas, passado o vencimento da Opção que foi lançada, não ocorrendo o exercício, a pessoa está liberada para repetir a operação em um próximo vencimento, pelo strike que quiser. Até mesmo por um mais alto … 😀

Espero ter te ajudado ! 🙂

Abraços !