Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!

Quanto preciso ter para me considerar financeiramente independente ?

Pergunta:

Olá Zé, tenho lido muito os artigos do blog, parabéns pelo trabalho.

Sempre fui do tipo que não guarda nada e no inicio do ano quando conheci o blog mudei totalmente e venho desde então tentando zerar minhas finanças para começar a investir. Não tenho divida alta além de um financiamento do carro que teoricamente foi taxa zero. Serão mais 18 meses para pagar. Mas eu sempre gastei muito, dois cartões de crédito em media R$ 3.000 por mês em cada. Minha empresa estava lucrando bem e seguia esse padrão, porém inicio o ano a empresa já não estava tão bem, mudei os planos, novos caminhos a seguir e vem sendo uma tarefa árdua reduzir esses gastos, mas tenho atingido minhas metas mês a mês, plano que comecei após a leitura do desafio.

Recentemente vendi um carro que me rendeu R$ 17.000,00 que inicialmente seria meu colchão de segurança. Mas ainda não decidi onde aplica-lo e estou usando para capital de giro para minha loja virtual, penso em deixar esse dinheiro em uma aplicação de liquidez diária, para que possa continuar comprando para revender os produtos da loja. Além da Loja eu trabalho registrado em uma empresa onde tenho ganhos de aproximadamente R$ 3.500,00 ao mês. Esse é o valor que eu necessito para viver hoje, com todas as contas adquiridas antes do inicio da nova fase financeira, quando conseguir zerar poderei começar a guardar e aumentar esses R$ 17.000, acho que em mais uns 4 meses já estarei guardando em torno de R$ 500,00/mês.

Minha grande duvida é, quanto eu precisaria ter investido para poder alcançar a independência financeira hoje.

Obrigado,
Ricardo

Resposta:

Bom dia Ricardo,

Muito obrigado ! É muito gratificante saber que o nosso desafio teve esse poder transformador em você. 🙂

Este é o relato de grande parte da população, que ao atingir um maior volume de ganhos, acaba aumentando o volume de gastos também. É a famosa corrida dos ratos que nos foi apresentada por Robert Kiyosaki em Pai Rico Pai Pobre. A maioria só se dá conta de que isso aconteceu quando a renda diminui e a coisa começa a apertar …

Enquanto o dinheiro entra “facilmente”, e o excesso de gastos não representa nenhum tipo de problema, a coisa gira que é uma maravilha. Mas basta o cenário mudar um pouco para que o eixo entorte um pouco e a roda comece a cambalear. 🙁

corrida dos ratos humana

A redução destes gastos é exatamente o que você disse: uma tarefa árdua. Quem quer abrir mão das comodidades e benefícios gerados pelos gastos mais elevados ? É um corte na carne, que precisa ser feito, mas que enfrenta grandes dificuldades (muitas vezes de ordem psicológica, apenas). Para os que precisam de sugestões de onde encontrar possíveis fontes de corte, menos doloridas, reuni os posts relacionados ao assunto nesta área. 🙂

Sobre a tua pergunta, em específico: quanto dinheiro você precisa ter para atingir a Independência Financeira, partindo do fato que você tem gastos mensais na ordem de R$3.500,00. Hoje, e que fique bem claro que isso se refere a hoje, Você precisaria ter, aproximadamente, R$350 mil.

Por quê ?

Você precisaria ter R$350 mil, partindo do princípio que você investiria em algo simples, como uma aplicação em renda fixa que lhe gere 100% do CDI. Onde você encontra isso ? No tesouro direto, com o título “Tesouro SELIC”. Em alguns bancos, que oferecem CDBs com liquidez diária. Até mesmo em alguns fundos de renda fixa, desde que tenham taxas administrativas abaixo de 0,5% ao ano …

Como a SELIC está em 14,25% aa, o rendimento mensal de uma aplicação que tenha a nossa taxa básica como “base”, renderá algo próximo a 1% ao mês, já tirando a parte do leão. (não, a do dragão ainda está dentro deste número …)

Sim, você tem também em MUITOS (mas muitos mesmo) outros investimentos: Tesouro IPCA, Tesouro Prefixado, CDBs de prazo mais longo, LCI, LCA, ações, empreendimentos, etc etc etc. Mas o mais básico de todos, o que lhe dá “garantias” de liquidez diária, sem perda do capital inicialmente aplicado (os fundos de renda fixa não são tããão seguros assim … cuidado), só aqueles.

Lembra que destaquei a parte do “hoje” ? Por quê ? Simples: porque hoje aqueles investimentos nos geram algo próximo a 1% ao mês. Na hora que a taxa de juros mudar, isso deixará de ser válido. Em 2012 chegamos em 7,25% aa ! Hoje estamos com 14,25% aa, quase o dobro … (sobre o comportamento diante deste tipo de mudança, indico esta leitura)

Responder à pergunta “quanto preciso ter para ser financeiramente independente” é uma das coisas mais difíceis que existe, justamente por estas variações que os rendimentos apresentam. É impossível determinarmos como as coisas estarão daqui 5 anos … Somente um acompanhamento constante das condições do mercado é que nos ajudarão a compreender melhor tudo isso. 🙂

Mas, hoje, se você tiver R$350 mil no Tesouro SELIC já poderia parar de trabalhar. 😉

Colchão de Segurança

Preciso falar sobre mais uma coisa … Sobre a parte que você fala sobre o valor obtido na venda do carro. Você precisa definir se este dinheiro será destinado ao seu colchão de segurança ou para o seu negócio virtual. Você não pode contar com este dinheiro para as duas coisas … Ou é um, ou é outro. Ponto final.

E se você está pensando em usar para o colchão … é muito provável que ele ainda não exista. Estou certo ?

Se for isso mesmo, acredito que devas priorizar o teu colchão de segurança neste momento. Nem que seja para formar um que atenda a pelo menos 3 meses de gastos. O ideal é que seja para 6 meses … Mas você poderia usá-lo desta forma “intermediária”. Nem todo de um lado, nem para o outro.

Os rendimentos, bem como a sobra que começará a existir em breve (os R$500), deverão ser destinados ao colchão, até que ele complete o valor necessário para lhe garantir 6 meses de tranquilidade. Ok ? 😀

Mas esqueça a ideia de usá-lo para as duas finalidades.

Espero ter lhe ajudado ! 🙂

Abraços !