Clube do Pai Rico
Solicite o seu agora mesmo!


Iniciando seus Investimentos – Parte XII.5

Dando continuidade ao “Iniciando seus Investimentos”, hoje falarei sobre os prazos de investimento. Mas antes de qualquer coisa: Apresentarei a minha visão sobre os prazos de investimento, ok ?

Por que destaquei isso ? Pois “cada um” tem a sua definição de prazos de investimento. Apresentarei a minha, e até acho que ela será muito parecida com a sua.

Quais são os prazos de investimento ?

– Curtíssimo Prazo;
– Curto Prazo;
– Médio Prazo;
– Longo Prazo

Sim, eu considero somente estes 4. Alguns de vocês poderão estar perguntando: E o Longuíssimo Prazo, você não considera ?

Sim, considero. Mas como já ouvi de algumas pessoas: “No longuíssimo prazo todos estaremos mortos !”, por isso não considero em meus investimentos. 😉

Então, o que diferencia um do outro ? Como o próprio nome diz, o prazo.

Curtíssimo Prazo: de poucos minutos até algumas horas.
Curto Prazo: alguns poucos dias.
Médio Prazo: algumas semanas.
Longo Prazo: indo de alguns meses até alguns anos, ou muitos, dependendo do investidor.

Certo, mas o que esse tempo tem a ver com o investimento ? Ele é o tempo em que a pessoa permanece posicionada.

E como escolher qual o seu prazo de investimento ? Na minha opinião, ele é decorrente do seu método de investimento. Quanto mais avesso ao risco a pessoa for, menor será o tempo que ela aguentará permanecer em uma operação perdedora. Portanto, quanto mais avesso ao risco, menor será o prazo de investimento dela.

Conheço pessoas que só compram ações, suportam ver suas cotações irem ao chão, quase virando “pó”, sem vende-las. Pois “sabem” que investiram em empresas sérias, que tem grandes chances de crescimento, consequentemente de valorização. Estes são os verdadeiros investidores de Longo Prazo. Mal olham as cotações, pois buscam um bom rendimento no longo prazo.

Já os de curto prazo, compram, e quando vêem uma pequena perda, normalmente já pré determinada, precisam fugir da posição o mais rápido possível.

Como eu costumo operar ?

A minha média de operações é bem baixa, mas baixa mesmo. Normalmente realizo somente uma operação por mês, permanecendo nela por poucos dias, dificilmente passando de duas semanas. Este é o meu método, funciona exatamente da forma que eu quero. Poderia obter melhores resultados se fizesse 300 operações por mês ? Poderia … Poderia obter melhores resultados fazendo apenas uma operação no ano, ficando 1 ou 2 anos posicionado ? Poderia … mas tenho feito da minha maneira, e não tenho do que reclamar.

Algumas vezes pude fazer uma operação de poucos minutos, outras “tive” que fazer uma de quase 6 meses … mas na média duram poucos dias.

Conforme for a sua escolha de prazo, virá em conjunto a escolha do tempo gráfico … o papo da semana passada, lembram ? 🙂

E você: Qual é seu prazo de investimento ?

Abraços !

Iniciando seus Investimentos:
( Recapitulando … )

I – Ganhar mais do que Gasta

II – Encontrar novas Fontes de Renda

III – Dinheiro é Dinheiro e PRONTO !!

IV – Aprenda a gastar com responsabilidade

V – Pra que pagar juros ?

VI – O lucro é diretamente proporcional ao risco

VII – Renda Fixa ou Variável ?

VIII – Aprenda a gostar de matemática

IX – Capital disponível Vs O investimento ideal

X.a – A Poupança

X.b – Os Fundos de Renda Fixa

X.c – O Tesouro Direto

X.d – O CDB

XI – A Conta Investimento

XII – A Bolsa de Valores

XII.1 – O que é ?

XII.1.a – As formas de bonificação

XII.1.b – Os lotes de negociação

XII.2 – O que é preciso para começar ?

XII.3 – Quais ações devo negociar/acompanhar ?

XII.4 – Análise Técnica Vs Análise Fundamentalista

XII.4.a – Análise Técnica para o longo prazo ?

XII.5 – Prazos de investimento